Moradia

Moradores protestam contra reintegração de posse em São Paulo

A área pertence à prefeitura de São Paulo e "apresenta alto risco de deslizamento", por ser região de encostas

Agência Brasil

,
A área pertence à prefeitura de São Paulo; na foto, desocupação do edifício São João, em 2014 / Flickr: Gabriel de Andrade Fernandes

Famílias que moram numa ocupação no Jardim Raposo Tavares, zona oeste da cidade de São Paulo, fazem um protesto desde a madrugada desta segunda-feira (25) contra ação de reintegração de posse. Os moradores colocaram fogo em pneus e fizeram barricadas.

A Polícia Militar informou que existe ordem judicial para cumprimento da reintegração ainda hoje. Os policiais acompanham o protesto, na rua Jose Porfírio de Souza, 892. A área pertence à prefeitura de São Paulo.

Segundo decisão da Justiça, emitida pela 9ª Câmara de Direito Público, o local apresenta alto risco de deslizamento, por ser região de encostas.

A Agência Brasil entrou em contato com a secretaria municipal de Habitação, mas não obteve retorno.