Saúde

Os benefícios da própolis para a saúde

A própolis ajuda no fortalecimento do sistema imunológico, atuando na prevenção e na cura de diversas doenças

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,

Ouça a matéria:

Os benefícios da própolis já são conhecidos desde a Antiguidade / Reprodução

Famosa desde o Antigo Egito, a própolis também era conhecida por romanos, gregos e incas. Suas propriedades estão sendo amplamente estudadas pelo mundo até hoje e apontam sua eficácia como medicamento popular no tratamento de várias enfermidades. É possível encontrar o produto em diversas formas nos mercados, como cápsulas, balas e em pó.

A própolis é uma substância produzida pelas abelhas formada por ceras e resinas. Na colmeia, é utilizada no preenchimento de espaços, como falhas e rachaduras, que podem servir de entrada para o frio, mas também de predadores; para embalsamar insetos ou outras abelhas intrusas que porventura entrem na colmeia; e também para recobrir as células que guardarão os ovos colocados pela rainha.

Outra função muito importante na colmeia é eliminar microorganismos e outros agentes infecciosos, mantendo os favos e toda a colmeia sempre limpa. Por ano, uma colmeia pode produzir entre 100g e 300g de própolis.

No corpo humano, a vantagem da própolis é que ela consegue agir apenas sobre as bactérias nocivas, preservando as que são boas para a saúde, como por exemplo, as que vivem no trato intestinal.

Por ser antiviral e antifúngico, a própolis ajuda a proteger todo o trato respiratório e a evitar resfriados, gripes, pneumonias e bronquites, além de possuir um leve fator anestésico e aliviar os sintomas de amidalites, dores de garganta, de dentes, aftas, entre outras.

É também um ótimo tônico do sistema imunológico, estimulando a produção de anticorpos e combatendo infecções. Ajuda a tratar feridas, dermatites e úlceras.

Além disso, a atividade antioxidante da própolis combate os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento do corpo humano e da mutação do material genético. A presença de compostos fenólicos em sua composição aponta para sua eficácia como antioxidante.

Muitas pesquisas ainda estão sendo realizadas nesse sentido mas a sua ação preventiva ao envelhecimento celular já está bastante comprovada.

Edição: Daniela Stefano