Ervas

Chá gelado de hibisco auxilia no emagrecimento e melhora a imunidade

A bebida refrescante ainda tem grande concentração de antioxidantes

São Paulo | Brasil de Fato (SP)

,

Ouça a matéria:

Chá gelado com as folhas secas de hibisco sabdariffa vão além da função de emagrecimento / Popperipopp

O consumo do hibisco da espécie Sabdariffa é uma boa pedida para os dias quentes, principalmente na forma de chá gelado. A planta, que tem as pétalas brancas e o miolo vermelho, possui propriedades antioxidantes e vitamina C, de acordo com a especialista em fitoterapia, Fernanda Tresmondi.

“Todos eles, como possuem essa atividade antioxidante, reduzem os radicais livres, melhorando a imunidade e previne o envelhecimento", diz

Além desses benefícios para o corpo, a especialista afirma que o chá de hibisco pode auxiliar na redução do colesterol, no controle do diabetes, na diminuição da pressão arterial e na prevenção de doenças cardiovasculares.

Já a nutricionista Andrezza Botelho indica o chá de hibisco para quem quer emagrecer, por conta do efeito diurético e anti-inflamatório que a flor traz. Segundo Botelho, o hibisco auxilia também no processo de aumento de energia, por conta do composto ácido málico, encontrado também em frutas e vegetais.

“Eu uso como anti-inflamatório, principalmente em pacientes com sobrepeso, por conta de ter maior percentual de gordura, e onde tem célula adiposa, onde tem gordura, tem processo inflamatório”, explica Botelho. 

Para o preparo do chá gelado de hibisco, a especialista em fitoterapia Fernanda recomenda o uso de duas colheres de sopa cheia da flor desidratada e um litro de água.

Quando a água estiver fervendo, coloque o hibisco e em seguida desligue o fogo. Abafe a mistura por alguns minutos. Depois coe e leve à geladeira. As propriedades medicinais do chá são mantidas por até 24 horas.

Fernanda faz um alerta para pessoas que sofrem de pressão baixa, que devem consumir o chá com moderação. 

"Como possíveis efeitos colaterais, a pessoa que tem pressão arterial baixa, deve ficar atenta pra ocorrência de tonturas, fraqueza e sonolência", enfatiza. 

Gestantes e lactantes também devem evitar de tomar o chá de hibisco por conta das propriedades abortivas da planta. 

Edição: Camila Salmazio