FALA AÍ

Quais os cuidados devem ser tomados em relações sexuais entre mulheres?

Renata Vieira, médica da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, responde no quadro "Fala aí"

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,

Ouça a matéria:

O Dia Nacional da Visibilidade Lésbica é celebrado em 29 de agosto / Mahrael Boutros/ Pexels

Dia 29 de agosto é celebrado o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica. A data foi criada em 1996 durante o 1º Seminário Nacional de Lésbicas e Bissexuais e chama a atenção para aspectos da vida dessas mulheres, como a violência que sofrem e a resistência que protagonizam. 

De acordo com o Dossiê sobre lesbocídio no Brasil, o assassinato de mulheres lésbicas aumentou 237% entre 2014 e 2017. A pesquisa feita pelo Grupo de Pesquisa Lesbocídio – As Histórias que Ninguém Conta e pelo Nós: Dissidências Feministas também mostra que na maioria dos casos as mulheres eram jovens e negras.

Outra pauta importante é em relação a informações sobre prevenção e cuidados que a mulher lésbica deve adotar durante relações sexuais.  

O Brasil de Fato foi as ruas e ouviu a estudante Alessandra Monterastelli:

"Meu nome é Alessandra, eu tenho 20 anos, e eu gostaria de saber mais sobre a saúde da mulher lésbica na hora de ter relações sexuais, já que é algo que muitas vezes não se fala sobre. Como a mulher lésbica pode se proteger?"

Renata Vieira, médica da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, responde: 

"Oi Alessandra, sou Renata Vieira, médica de família e comunidade, e também sou lésbica. Infelizmente não tem nada que tenha sido pensado exclusivamente para a gente, então fazemos, na verdade, adaptações. Quando vamos manipular, ou penetrar, a nossa parceira, usamos luvas de borracha que se encontra em qualquer farmácia. Para brinquedos, usamos a camisinha mesmo – é importante trocar a camisinha quando passar de uma mulher para outra. Para o sexo oral é necessário maiores adaptações: pegar a camisinha feminina, ou masculina, e cortar para que fique um quadradinho para fazer uma barreira entre a sua boca e a vagina da parceira. Antigamente usavam aquele plástico filme de guardar comida, mas é importante não usar, porque ele não previne contra doença nenhuma. Também é importante manter sempre a unha bem curtinha e lavar a mão antes das relações. Obrigada pela sua pergunta, espero que eu tenha ajudado." 

Edição: Júlia Rohden