Flamengo na Libertadores

PAPO ESPORTIVO | Será que o Flamengo convenceu?

O Flamengo venceu a LDU por 3 a 1 no Maracanã, mas o grande número de chances perdidas preocupa bastante

Brasil de Fato | Rio de Janeiro (RJ)

,

Ouça o áudio:

Baixar
Everton Ribeiro, Gabigol e Uribe marcaram os gols do Fla na partida / Alexandre Vidal / Flamengo

O Flamengo conquistou a sua segunda vitória em duas partidas na Copa Libertadores da América ao vencer a LDU de Quito por 3 a 1 dentro do Maracanã nesta quarta-feira (13). Quem vê o resultado final não tem noção do que foi a partida. Os comandados de Abel Braga foram amplamente superiores à equipe equatoriana e poderiam até ter vencido por uma diferença maior de gols. E é exatamente aí que mora o problema todo.

A Libertadores é o tipo de competição que exige demais das suas equipes. Um erro é praticamente fatal. O Flamengo pode ter vencido o jogo, somado mais três pontos e despachado mais um oponente na competição sul-americana. Mas existem duas questões que devem ter a atenção de Abel Braga. A primeira delas é a quantidade de chances desperdiçadas durante os 90 e poucos minutos. Sério, amigo. O Fla poderia ter vencido por cinco ou seis a um. Não seria nenhum exagero, muito pelo contrário. E a segunda é uma certa afobação dos seus jogadores. A LDU teve dois pênaltis durante a partida e só não complicou a vida do time de Abel Braga porque Diego Alves estava lá para salbvar a Pátria mais uma vez.

Não me levem a mal, caro amigo. Assim como você, eu também acho que essa foi a melhor atuação coletiva do Flamengo na temporada. O que Cuellar, Renê, Gabigol e Bruno Henrique jogaram foi uma barbaridade. E o que é que eu vou falar de Éverton Ribeiro? Falam em A ou B na Seleção Brasileira, mas ninguém fala do camisa 7 do Mengão. E contra a LDU ele teve mais uma atuação absurda. É o melhor do time de longe. No entanto, caro amigo, eu não posso fechar os olhos para essas falhas. A impressão que fica é que a equipe “desliga”, “sai do ar”, sei lá… Parece que pensam que a parada já está resolvida e esquecem da vida.

A demora para matar os jogos também incomoda demais. Contra o San José (na altitude de Oruro), o time teve pelo menos duas boas chances e teve que contar com a atuação decisiva de Diego Alves. Contra o Vasco, no último sábado (9), os comandados de Abel Braga foram punidos com o pênalti polêmico em cima de Maxi López. Desta vez, o Fla não sofreu tanto muito por conta da atuação bem fraca da LDU. Mas contra equipes mais fortes, o time rubro-negro pode se complicar de verdade. Digo e repito: a Libertadores não permite tantos erros assim e uma hora vai cobrar a conta.

O Flamengo venceu, teve a sua melhor atuação no ano e despachou a LDU sem muitos problemas. Mas será que convenceu? Essa é a pergunta que eu e todos os torcedores devem estar se fazendo nesse momento.

Diego Souza é o reforço que o Botafogo precisava

O reforço certo na hora certa. O Botafogo precisava de uma referência no elenco. E ela pode ser Diego Souza. O novo camisa 7 chega com fome de bola. Boa contratação.

Vasco tem compromisso complicado pela Copa do Brasil

Que o torcedor não se engane. O Avaí é bem montado, aguerrido e vai dar trabalho ao time de Alberto Valentim. Todo cuidado é pouco. Mesmo jogando em São Januário.

Fluminense encara o Boavista para seguir numa boa

O jogo contra o Boavista é ótimo para o Fluminense ganhar moral para o Clássico Vovô de domingo (17). Será uma boa chance de vermos Ganso em ação contra um oponente mais forte.

Grande abraço e até a próxima!

Edição: Brasil de Fato (RJ)