PAPO ESPORTIVO | Esse é o Botafogo que eu gosto

Imagem de perfil do Podcast
Papo Esportivo

Ouça o áudio:

Glorioso aplicou 3 a 0 na equipe argentina / Reprodução / Twitter / Conmebol
Botafogo não tomou conhecimento do Defesa Y Justicia e se garantiu na segunda fase da Copa Sul-Americana

“Esse é o Botafogo que eu gosto! Esse é o Botafogo que eu conheço! Tanto tempo esperando esse momento, meu Deus! Deixa eu festejar que eu mereço!” O samba que ficou famoso na voz de Beth Carvalho é perfeito para iniciar essa coluna. Os comandados de Zé Ricardo simplesmente não tomaram conhecimento do Defensa Y Justicia. Vitória por 3 a 0 lá na Argentina e vaga na segunda fase da Copa Sul-Americana garantida.

Antes que algum engraçadinho apareça por aqui pra diminuir o feito desta quarta-feira (20), saibam vocês que o Defensa Y Justicia é o segundo colocado do campeonato argentino e considerada a equipe sensação do momento em terras portenhas. É óbvio que a vantagem obtida no jogo de ida aqui no Rio de Janeiro ajudou Zé Ricardo a pensar melhor o Botafogo para essa partida decisiva. Vale destacar (e muito) as atuações de Erik (autor de dois gols), Rodrigo Pimpão, Gabriel, Jean e Alex Santana (este autor de um golaço digno de Prêmio Puskás).

Pelo que se viu em campo, a tendência é eu e você vermos um Botafogo mais consicente das suas limitações nas próximas partidas que o time terá nessa temporada. A Copa Sul-Americana pinta como uma competição interessante para o clube. Primeiro pela oportunidade de colocar mais um título internacional na sala de troféus. E depois pela premiação oferecida pela Conmebol.

Zé Ricardo reencontrou um jeito do Botafogo jogar. Mais cauteloso, mais ciente das suas limitações. Mas nem por isso deixa de ser letal. Ainda mais com um Erik querendo mostrar seu cartão de visitas e com toda uma equipe formada por operários. Todo o time ataca, todo o time marca, todo o time se doa dentro de campo. Bem ao estilo Beth Carvalho. “Esse é o Botafogo que eu gosto…”

E o Vasco segue com a boa fase

A fase do Vasco é impressionante. Título da Taça Guanabara, ótimos resultados, uma equipe ainda invicta na temporada e que encontrou uma maneira de jogar quase impossível de ser superada. Os comandados de Alberto Valentim vão superando seus adversários e melhorando a cada jogo que passa. A vítima da vez foi o Serra (do Espírito Santo), pela Copa do Brasil. E olha que sábado (23) tem clássico com o Botafogo pela Taça Rio…

Paralisação, atraso de salários e estreia de Ganso

A semana do Fluminense não foi nada fácil. Confusão por conta do lado direito do Maracanã, paralisação de jogadores por conta de salários atrasados e até mesmo ameaça de exclusão do Carioca por causa do imbróglio da final da Taça Guanabara. No meio disso tudo está a estreia de Ganso no time, marcada para esta sexta-feira (22), no Maracanã. Dentro de campo, o time de Fernando Diniz segue bem, obrigado. Mas fora de campo, o Fluzão parece uma bomba que pode explodir a qualquer momento…

Os vacilos da diretoria do Flamengo

Não confundir o clube com a sua diretoria. São duas coisas completamente diferentes. Só que a diretoria do Flamengo perdeu uma grande oportunidade de ficar calada quando comparou o incêndio na Boate Kiss com o ocorrido no CT do Ninho do Urubu. É óbvio que ela tem o direito de se defender, mas já passou da hora de Rodolfo Landim, o ex-presidente Eduardo Bandeira de Mello e os responsáveis pelo CT virem a público. Todos eles precisam dar respostas concretas para uma série de perguntas sobre as condições do local e as medidas para indenizar os envolvidos na tragédia do dia 8 de fevereiro. E pra ontem.

Grande abraço e até a próxima!

Edição: Brasil de Fato (RJ)