Educação

Movimentos conquistam creche na PPL

Até ocupação feita em novembro, escola ficou parada por dois anos

Belo Horizonte (MG)

,
Novas vagas serão destinadas a estudantes que estão na lista de espera das Umeis da região / Divulgação

Após dois anos fechada, a Escola Municipal Maria da Glória Lommez, na Pedreira Prado Lopes, na região Oeste de Belo Horizonte, deve ser reaberta neste ano. O estabelecimento foi interditado pela Defesa Civil, no final de 2014, devido ao deslocamento de uma pedra que afetou parte do terreno da instituição.

Em novembro de 2016, moradoras da comunidade, organizadas no Movimento de Trabalhadoras por Direitos (MTD) e no Levante Popular da Juventude, ocuparam o local, na primeira ação desse tipo em creches do Brasil. Elas exigiram a recuperação do prédio e a abertura de novas vagas na educação infantil. Após pressão dos movimentos, o prefeito Alexandre Kalil (PHS) se comprometeu com as reivindicações. 

Agora, a escola passa por uma reforma. Novas vagas serão destinadas a estudantes que estão na lista de espera das Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) da região. “Uma das lutas que temos agora é fazer a escola com a participação da comunidade. Se a gente tem a comunidade participando, o trabalho flui”, disse Valéria Borges, do MTD.