DIRETAS JÁ

Campanha por eleições diretas mostra que a população quer votar para presidente

Pelas ruas do Rio e várias cidades do país, manifesto pelas Diretas Já recolhe assinaturas

Brasil de Fato | Rio de Janeiro (RJ)

,
A Frente Ampla Nacional pelas Diretas Já está reunindo pessoas em cada estado do país que queiram se posicionar a favor da democracia / Fernando Frazão/ Agência Brasil

Por todo Brasil, a campanha pelas eleições diretas tem ganhado força. As diversas manifestações envolvendo movimentos sociais, artistas, intelectuais, juristas, estudantes e jovens, religiosos, partidos, centrais sindicais, mulheres, população negra e LGBTs demonstram a vontade do povo em definir o rumo do país.

Por isso, a Frente Ampla Nacional pelas Diretas Já, organizada por mais de 55 entidades, está reunindo grupos de pessoas em cada estado do país que queiram se posicionar a favor da democracia. No Rio de Janeiro, a primeira reunião do comitê aconteceu no dia 19, na sede da Ordem dos Advogados do Rio (OAB/RJ), no centro. Para Luciano Bandeira, da OAB/RJ, foi uma reunião representativa.

“Entidades das mais diversas ideologias estiveram presentes. Pessoas de direita, de esquerda ou centro, todos juntos para pedir que tenhamos eleições diretas. Não queremos esperar até 2018 porque o governo Temer é ilegítimo. Esse foi o significado do encontro”, explica.

Durante a assembleia, todos assinaram um manifesto que pede Fora Temer e eleições diretas já. Esse manifesto está disponível online, além de estar passando pelas ruas do Rio e por várias cidades do país para recolher assinaturas de apoio.

“Vamos continuar organizando encontros e manifestações. Também tem a greve do dia 30, que vai confirmar de vez que o povo não quer mais Temer. O povo quer votar para presidente”, conclui.

Edição: Vivian Virissimo