CULTURA

No Recife, bairro da Várzea recebe semana de programação cultural gratuita

O Abril para as Artes é uma iniciativa da Escola Municipal de Arte João Pernambuco

Brasil de Fato | Recife (PE)

,
Nessa edição, o movimento cultural da Várzea é tema do evento e participará da programção / Divulgação

No bairro da Várzea, a Escola Municipal de Arte João Pernambuco realiza nessa semana o Abril para as Artes. O evento busca integrar diversas linguagens artísticas, como música, teatro, performance, dança, rádio, audiovisual, artes visuais, literatura e oficinas que estimulem a formação e reflexão. A programação do evento é gratuita, sem restrição de idade e aberta ao público. As atividades, que iniciam nessa segunda (22), vão até quinta (25), com programação nos turnos da manhã, tarde e noite. "O evento já é bem antigo na escola. O que estamos fazendo nos últimos três anos é dar uma roupagem mais dinâmica. Durante esses quatro dias a programação vai ser vivenciada na escola, na Praça da Várzea e o movimento cultural do bairro vai participar da programação" explica Elizana Messias, da coordenação pedagógica do João Pernambuco.



Escolhido como tema dessa edição, o movimento cultural da Várzea se reinventa de maneira dinâmica e integrada com o cotidiano da comunidade, a rua da feira, praça, Casarão e a própria Escola Municipal de Arte João Pernambuco. Todos estes lugares viram palcos para artistas, grupos culturais, bandas, práticas e movimentos artísticos plurais que dialogam com a cultura popular fortalecendo identidades e memórias, construindo um território intercultural que promove o encontro, a abertura para o novo e o respeito. É nesse sentido que o Abril para as Artes homenageia o Movimento Cultural da Várzea, fortalecendo a parceria da escola com a vida cultural da comunidade. 



Rodas de conversas sobre os brincantes, exposições, oficinas de malabarismo, apresentações de grupos de break, blues, coral e vários outros já tem data e hora confirmados. Para quem deseja participar das oficinas, as inscrições podem ser feitas através desse link ou presencialmente, chegando 30 minutos antes do início das oficinas. A programação completa pode ser vista aqui.

Edição: Monyse Ravenna