Curitiba

“Não vamos deixar o povo esquecer Lula”, afirma o deputado José Mentor

Opositores podem mudar de estratégia e partir para o apagamento da imagem do ex-presidente

Brasil de Fato | Curitiba (PR)

,
Segundo o deputado petista, o ex-presidente Lula sabe que não está sozinho / Eduardo Matysiak/Agência PT

A Vigília Lula Livre recebeu, na manhã desta quinta-feira (17), a visita do deputado federal José Mentor (PT-SP), que destacou a importância da manutenção da mobilização. Segundo o deputado, os adversários de Lula já tentaram de tudo para derrotá-lo politicamente, mas ele segue crescendo na preferência do eleitorado brasileiro. A próxima estratégia da oposição, diz, pode ser tentar esconder o Lula, mas a vigília tem a missão de não deixar que isso aconteça.

“Eles estão fazendo de tudo para que o Lula não seja presidente da República. Mas o povo é sábio e eles não sabem mais o que fazer. Passaram três anos perseguindo o Lula e ele aparece como líder nas pesquisas. Denunciaram o Lula e ele subiu nas pesquisas, condenaram o Lula e ele subiu nas pesquisas, prenderam o Lula e ele subiu nas pesquisas, cada vez que falam do Lula, ele sobe nas pesquisas, então, talvez, a estratégia deles seja não falar mais nele. Mas aí está mais um papel importante desta vigília. Nós não vamos deixar o povo esquecer o Lula, porque nós vamos ficar aqui falando do Lula de manhã, de tarde e de noite”, declarou o deputado.

Além disso, Mentor destacou a importância da vigília para a pessoa de Lula: “primeiro para uma questão pessoal para o próprio Lula: uma pessoa que viveu sempre no meio de muita gente, saber que, mesmo lá em uma solitária, ele não está sozinho. Segundo, pela solidariedade política. Ele saber que tem gente que apoia o que tá fazendo e que está convicto que ele é inocente, que esse processo foi armado para tirá-lo da eleição, porque sabem que se ele for candidato, ganha a eleição. Se for candidato preso, ganha a eleição”, afirmou.

Edição: Juca Guimarães