Música

Hip hop pela paz: brasileiros gravam canção em defesa da soberania da Venezuela

Versão em português de "Tambores por la Paz" é um manifesto contra o genocídio da população pobre e periférica

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,
Crônica Mendes, Kelly Neriah, Lurdes da Luz e Willian'Z durante gravação da versão brasileira de "Tambores por la Paz" / Reprodução/TeleSUR

Com curadoria do rapper Crônica Mendes e participação das cantoras Kelly Neriah, Lurdes da Luz e do cantor Willian'Z, "Tambores pela Paz" é a versão em português da canção “Tambores por la Paz”, do cantor cubano Raúl Torres. Lançada em fevereiro deste ano, a música original faz parte de uma campanha global pela paz na Venezuela realizada pela TeleSUR, canal multiestatal de comunicação da América Latina.

A canção é um manifesto em defesa da soberania do povo venezuelano, alvo de governos e meios de comunicação estrangeiros nos últimos meses. O bombardeio de narrativas contra o presidente eleito Nicolás Maduro culminou com uma tentativa de intervenção militar dos Estados Unidos sob o pretexto de "ajuda humanitária" ao país, que possui uma das maiores reservas de petróleo do mundo. 

Na versão brasileira, Crônica Mendes, Kelly Neriah, Lurdes da Luz e Willian'Z, que fazem parte do movimento hip hop do bairro do Capão Redondo, periferia de São Paulo (SP), cantam para o povo venezuelano, mas também para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. “Aqui sofremos isso, o rap é atacado e oprimido. Então, quando nos oferecemos de participar do projeto, queremos dizer que periferia é periferia e luta popular é luta popular em todo mundo”, afirmou Crônica Mendes em entrevista à TeleSUR. 

Neste contexto, a versão em português de "Tambores por la Paz" também é considerada um manifesto contra o genocídio da população pobre e periférica, como aponta a cantora Kelly. “Era muito triste abrir o portão e ver um morto. Parecia uma guerra. Por isso nos solidarizamos”, conta a artista, comparando a violência que assola seu bairro, motivada pelo racismo e por diferenças de classe social, com a repressão que ocorre no país vizinho em função das reservas de petróleo.

Versão original 

O cantor popular cubano Raúl Torres, conhecido por canções como “El regreso del amigo”, dedicada ao ex-presidente venezuelano Hugo Chávez, e “A través del sol”, composta para o aniversário de 88 anos do líder revolucionário cubano Fidel Castro. No arranjo de “Tambores por la Paz” também estão presentes os músicos Yulaysi Miranda, Karel García e o rapper Alex Alday. 

campanha da TeleSUR propõe que os telespectadores gravem vídeos cantando um trecho da música em algum local representativo da cidade em que vive. As imagens farão parte de versões do clipe da música "Tambores por la Paz". 

Edição: Daniel Giovanaz