Francisco

No Vaticano, papa Francisco diz que Brasil vive "momento triste"

Francisco rezou pelo país durante inauguração de imagem de Nossa Senhora Aparecida, nos Jardins do Vaticano

São Paulo

,
Imagem, concebida pelo artista plástico Cláudio Pastro, foi erguida nos Jardins do Vaticano. / Divulgação

Durante a inauguração de uma estátua em bronze com a imagem de Nossa Senhora Aparecida, considerada pela religião católica a padroeira do Brasil, o papa Francisco disse que o país vive um “momento triste” e rezou para que a santa, assim como foi achada por trabalhadores brasileiros, possa ser achada “por todos, e especialmente por todos aqueles que necessitam de trabalho, educação e pelos que são privados de sua dignidade".

A imagem, concebida pelo artista plástico Cláudio Pastro, foi erguida nos Jardins do Vaticano neste sábado (3). A presença do papa durante a cerimônia surpreendeu a delegação brasileira, que contava com fiéis e o arcebispo de Aparecida Dom Raymundo Damasceno. 

Francisco lembrou que não sabe se visitará o Brasil no próximo ano, como havia prometido em 2013 durante a Jornada Mundial da Juventude. "Em 2013, tinha prometido que voltaria no ano que vem. Não sei se será possível", afirmou.

Carta

Segundo a Agência Italiana de Notícias (ANSA), o papa Francisco escreveu uma carta de apoio à Dilma Roussef (PT), no início de agosto, durante o processo de impeachment no Senado. A existência da carta, cujo o teor não foi divulgado, foi confirmada em um post no Twitter pelo teólogo Leonardo Boff, que mantém relação próxima com Francisco.

Na ocasião, Dilma confirmou à agência italiana que recebeu a carta, mas que não comentaria seu conteúdo. “Ele escreveu uma carta para mim, mas não vou dizer mais nada sobre isso. Digo apenas que não foi uma carta oficial do papa, em sua condição de representante do Vaticano”, afirmou a petista.