Feminismo

Liderança da Revolta dos Malês, Luiza Mahin, é a mulher cabulosa da semana

Quadro do programa Brasil de Fato - Edição Minas Gerais inspirado em projeto do Levante Popular da Juventude

Radioagência Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,

Ouça a matéria:

Essa é Ana Carolina Vasconcelos, estudante que luta pela liberdade e reconhecimento das mulheres e por um feminismo cada vez mais representa / Isis Medeiros / Levante Popular da Juventude

E por falar em mulheres de luta… Toda semana o Brasil de Fato conta para você um pouquinho mais sobre a vida de mulheres que marcam a história do Brasil e do mundo.

O quadro tem inspiração no projeto fotográfico Mulheres Cabulosas da História, realizado pelo movimento Levante Popular da Juventude. O ensaio faz uma releitura das fotos de mulheres que marcaram a nossa sociedade, como Dandara, Maria Bonita, Maria da Penha e várias outras. Hoje você conhece um pouco mais sobre a história de Luiza Mahin. 

Luiza Mahin, a rainha da Bahia. A cabulosa de hoje é uma das principais figuras na Revolta dos Malês, em 1835. Trazida para o Brasil como escrava, a quituteira foi uma das lideranças da revolta pela libertação dos escravos, na Bahia. Sua trajetória pode até ter sido ofuscada pelo machismo existente em nossa sociedade, mas para nós Luiza Mahin sempre será uma mulher cabulosa da nossa história.

Para conferir fotos do projeto, acesse https://medium.com/@LevanteBH/mulheres-cabulosas-da-hist%C3%B3ria-c7f1bb8b71ea

Edição: Mauro Ramos