Resistência

Por direito à moradia, MTST inicia marcha com mais de 10 mil pessoas nesta terça (31)

O objetivo é chegar até o Palácio do Estado e cobrar a desapropriação do terreno ocupado por mais de 8 mil famílias

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,
Ao todo, a marcha percorrerá 23 quilômetros entre São Bernardo do Campo e São Paulo. / Mídia Ninja

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) realizam, desde às 7 horas desta terça-feira (31), uma marcha do acampamento Povo Sem Medo, que saiu da cidade de São Bernardo do Campo (SBC) rumo à cidade de São Paulo (SP). Mais de 10 mil pessoas participam da manifestação, que deve percorrer 23 quilômetros.

O objetivo é chegar até o Palácio do Governo e cobra do governador Geraldo Alckmin (PSDB) a desapropriação do terreno ocupado por mais de 8 mil famílias em SBC para construção de moradias populares. Além disso, pedirão a imediata construção de moradias em terrenos da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) já destinados em projetos, assim como a manutenção do programa Casa Paulista.

"Essa marcha terá um encontro muito bonito, na Ponte do Morumbi, com aliados do movimento. Todas e todos estão mais do que convidados", disse, Guilherme Boulos, da direção do Movimento, durante a caminhada.

Resistência

Na tarde desta segunda-feira (30), artistas e militantes se reuniram no acampamento em SBC para o show de Caetano Veloso, que estava previsto para o início da noite.

No entanto, o show foi impedido de acontecer, após a juíza Ida Inês Del Cid, da 2ª Vara da Fazenda Pública de São Bernardo do Campo, aceitar a ação civil pública apresentada pelo Ministério Público estadual pedindo a proibição da apresentação.

O argumento da magistrada em sua decisão é que o “brilhantismo” do cantor Caetano Veloso atrairia “muitas pessoas para o local, o que certamente colocaria em risco estas mesmas”. A juíza também determinou uma multa de R$ 500 mil caso a ordem fosse descumprida.

Diante da proibição, Caetano Veloso, Sônia Braga, Criolo, Aline Moraes, Emicida, Letícia Sabatela e Marina Person participaram de uma manifestação em apoio à ocupação e à marcha desta terça.

“Manobras foram realizadas para que esse show não acontecesse, mas estamos aqui. Estamos juntos com vocês”, afirmou Caetano Veloso durante o ato. “Vocês são exemplos nesse momento que o país está passando por tudo isso. Vocês são a força da esperança”, disse Letícia Sabatella.

O Brasil de Fato acompanhará a chegada da marcha a São Paulo. Acompanhe!

Edição: Luiz Felipe Albuquerque