Mobilização

Centrais sindicais convocam atos em todo país nesta sexta contra reforma trabalhista

Manifestações ocorrem em pelo menos 24 capitais e no Distrito Federal; confira a agenda de atos

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,

Ouça a matéria:

No próximo sábado (11), a reforma trabalhista, sancionada em julho pelo presidente golpista, Michel Temer (PMDB) passa a valer. / Paulo Pinto/Agência PT

Às vésperas da data em que as novas regras trabalhistas entram em vigor, as centrais sindicais convocam manifestações contra as reformas da Previdência e trabalhista. Protestos vão ocorrer nesta sexta-feira (10) em pelo menos 24 capitais e no Distrito Federal.

No próximo sábado (11), a reforma trabalhista, sancionada em julho pelo presidente golpista, Michel Temer (PMDB) passa a valer.

A medida altera mais de cem pontos da CLT, lei que regulamenta as relações trabalhistas no Brasil.

Um levantamento feito pela CUT/Vox Populi, em junho, aponta que as reformas trabalhista e da Previdência são vistas de forma negativa por 70% dos trabalhadores brasileiros.

O objetivo das entidades também é mobilizar os trabalhadores em torno da reforma da Previdência, que ainda está em tramitação no Congresso Nacional.

Além das marchas, estão previstas assembleias e interrupção de atividades das empresas por períodos curtos, de até uma hora.

Confira a agenda dos atos completa por estado:

Rio Branco (AC)

08h - Ato com concentração na Praça da Revolução

Maceio (AL)

08h - Concentração na praça Sinimbu

Manaus (AM)

16h - Manifestação na Praça Heliodoro Balbi (Praça da Polícia)

Macapá (AP)

10h - Concentração na Praça da Bandeira

Salvador (BA)

11h - Caminhada do Campo Grande até a Praça Municipal

13h - Manifestação na porta da Previdência Social no Comércio

Distrito Federal

09h – Ato Fora Temer e suas medidas -  Espaço do Servidor – Esplanada dos Ministérios

Fortaleza (CE)

Marcha da Esperança/ Dia Nacional de Luta contra a Reforma Trabalhista

8h – Praça Clóvis Beviláqua (Praça da Bandeira - Centro) 

Vitória (ES)

12h - Concentração na Praça 8 e caminhada até a justiça do trabalho

17h - Ato na UFES (Universidade Federal do ES)

Goiânia (GO)

16h - Ato unificado na Praça do Bandeirante

Belo Horizonte (MG)

09h - Ato na Praça da Estação

Campo Grande (MS)

16h - Ato na Praça Ari Coelho com enterro da CLT na superintendência do trabalho

Cuiabá (MT)

15h - Praça Alencastro

Belém (PA)

08h30 - Concentração no TRT na  Praça Brasil – Caminhada até o  Ver-O-Peso

Curitiba (PR)

11h - Ato na Boca Maldita

João Pessoa (PB)

14h - Lyceu Paraibano

Recife (PE)

09h - Assembleia da classe trabalhadora na Praça da Democracia (Derby)

Teresina (PI)

08h - Ato Unificado – Praça Rio Branco – Com Caminhada pelas Ruas do Centro

Natal (RN)

14h - Ato  com concentração na Praça Gentil Ferreira no Bairro Alecrim. Depois será feita uma caminhada pelas ruas principais até a Cidade Alta

Boa Vista (RR)

09h - Concentração na Praça do Centro Cívico – caminhada pelas ruas do centro

Porto Alegre (RS)

10h as 14h - Plenária de Mobilização -  Auditório da Igreja da Pompeia (R. Barros Cassal, 220, Floresta POA)

16h - Abraço à Justiça do Trabalho – Av. Praia de Belas

18h - Ato das Centrais – Esquina Democrática

Rio de Janeiro (RJ)

16h – Concentração na Candelária – Caminha pra a Cinelândia

Florianópolis (SC)

16h - Ato no terminal Urbano

Várias regiões do estado, como Chapecó, Região Serrana, entre outras terão atos nas portas dos locais de trabalho.

São Paulo (SP)

09h30 – Ato em São Paulo – Concentração na Praça da Sé

10h30 – Caminhada até a Avenida Paulista

14h30 – Ato de professores e servidores no Palácio dos Bandeirantes contra o PL da Morte

Campinas (SP)

17h00 – Ato no Largo do Rosário, no Centro.

Aracaju (SE)

15h - Ato com concentração às 15h na Praça Getúlio Vargas (praça da OAB)

Palmas (TO)

09h – Em frente a CEF – Quadra 105 Sul – Rua SE 01

Edição: Vanessa Martina Silva