Rádio

Reforma da Previdência e Dia Nacional do Forró são destaques dos programas de rádio

Edições vão ao ar todos os sábados, com reprise aos domingos, nas rádios em MG, RJ, PE, PR e SP

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,
Edições vão ao ar no sábado, com reprise aos domingos / Gabi Lucena | BdF

Os destaques das edições do Programa Brasil de Fato nas rádios de MG, RJ, PR, PE, SP e na cidade de Sorocaba são os últimos acontecimentos envolvendo a reforma da Previdência e o Dia Nacional do Forró, celebrado no dia 13 de dezembro. A data também é marcada pelo aniversário do mestre Luiz Gonzaga, cantor e compositor brasileiro que dá o tom para as nossas edições.

Em São Paulo e Sorocaba, vamos entender o porquê dos vários aumentos no preço do gás de cozinha esse ano e como a situação tem afetado a vida das pessoas no quadro Fala Aí. 

Na quinta-feira (14), os militantes do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) encerraram a greve de fome que durou dez dias, em protesto contra a votação da reforma da Previdência. A repórter Cristiane Sampaio traz, direto de Brasília, detalhes dessa ação e a repercussão após o adiamento da votação da medida para fevereiro de 2018. 

A reportagem também traz o despejo das mais de 300 famílias do acampamento Hugo Chavez, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) no Pará, que ocorreu na quinta-feira (13). No comentário do repórter Daniel Giovanaz dessa semana, ele fala sobre o sucateamento das universidades públicas e qual a relação dessa situação com a Operação Lava Jato. 

A edição paulista também conta a história do grupo musical Xicas da Silva, que utiliza o poder do tambor mineiro para falar sobre feminismo. Além disso, tem o oitavo capítulo da radionovela Rosa Luxemburgo. Em meio à guerra, triunfa a Revolução bolchevique na Rússia e Rosa segue na prisão, em consequência de sua atividade antibélica. Ela começa a escrever sobre a Revolução Russa e Franz Mehring defende uma revolução também na Alemanha.

Já no quadro Alimento é Saúde, vamos aprender uma receita deliciosa de peixe ao molho, indicada para quem sobre de insuficiência renal e hepática, doença que atinge os rins e o fígado respectivamente. De acordo com a nutricionista Fernanda Buscarati, o peixe auxilia na limpeza da gordura desses órgãos.

A edição do Rio de Janeiro destaca a mobilização de servidores públicos e entidades ligadas às universidades públicas cariocas para garantir recursos e tirá-las da crise. Uma proposta de emenda à Constituição, a PEC 47, será votada da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) e pode garantir e pode garantir a autonomia financeira das três universidades que hoje estão sob administração do governo estadual. 

No quadro Repórter Sus, um alerta sobre as alterações que o Ministério da Saúde pretende fazer na política de saúde mental, destinando mais recursos para os hospitais psiquiátricos. A medida, como alerta a pesquisadora da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio da Fundação Oswaldo Cruz (EPSJV/Fiocruz), Pilar Belmonte, caminha na contramão das conquistas da reforma psiquiátrica, Lei nº 10.216, de 2001, que tem como norte a diminuição no número de internações em leitos psiquiátricos e o aumento da assistência integral à saúde de usuários da saúde mental.

O programa traz também uma homenagem às mulheres do forró, em uma entrevista com a cantora carioca Mariana Melo, que tem encantado o público com o seu Tributo à Rainha do Xaxado Marinês. 

Em comemoração ao Dia da Economia Solidária, a reportagem mostra como as mulheres mães têm se organizado em torno de novas formas de trabalho e consumo para conciliar a rotina com os cuidados dos filhos.

No Paraná, o programa traz matéria sobre a experiência da Escola Milton Santos de Agroecologia, que há 15 anos contribui para a formação de jovens no campo, na região de Maringá. E na semana do Dia Nacional da Economia Solidária, comemorado em 15 de dezembro, tem depoimentos de integrantes desses coletivos que convidam você a pensar uma maneira diferente de consumir neste natal de forma sustentável, comprando de pequenos produtores.

E tem esporte no programa! No quadro Papo Esportivo, o comentarista Régis Luis Cardoso vai contar como foi a final da série Ouro do Futsal Paranaense, na disputa entre Pato Branco e Francisco Beltrão, conhecida como “rixa das penas”.

Na capital paulista, a sintonia é a Rádio 9 de Julho (1600 AM), às 12h20, com reprise aos domingos às 7h. Os pernambucanos ouvem o programa na Rádio Clube (720 AM) aos sábados às 7h, com reprise aos domingos no mesmo horário. Na Rádio Autêntica (106,7 FM), em Belo Horizonte, a edição é veiculada a partir das 11h de sábado, com reprise no domingo às 7h. No Rio de Janeiro, a sintonia é na Rádio Fluminense (540 AM), todo sábado, às 09h, com reprise aos domingos no mesmo horário. Em Sorocaba, na Rádio Super (87,5 FM), o programa vai ao ar sábado às 12h, com reprise aos domingos no mesmo horário. No Paraná, você ouve aos sábados na Rádio Pioneira (91,3 FM), às 7h; na Rádio Princesa (87,9 FM), às 10h, com reprise no domingo, às 9h e na Rádio Anawin (106.3 FM), às 11h. Os programas também estão disponíveis na Radioagência Brasil de Fato.

Em Pernambuco, o programa começa com a entrevista com a economista Jaqueline Natal, do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) no quadro Fatos em Foco. Ela fala sobre os argumentos do governo Temer nas propagandas para convencer a população de que o país está quebrado. A economista também faz previsões de como a economia brasileira vai afetar a classe trabalhadora em 2018.

A reportagem mostra como está sendo o cadastramento do Benefício de Prestação Continuada (BPC), que oferece ajuda de custo de um salário-mínimo para idosos e deficientes que não tem condições de participar ativamente da sociedade. Em Recife, o cadastramento está gerando muitas filas e confusão e o prazo para recadastramento é até 31 de dezembro.

No quadro De Fato na Semana tem o 27º Encontro Regional do MST em Caruaru. Como parte da programação do evento, entidades da sociedade civil e organizações que militam junto ao MST foram convidados a visitar o Assentamento Normandia é referência em trabalho coletivo e ocupação de terra em Pernambuco.

O programa também vai mostra a segunda Caravana Popular em Defesa da Democracia  realizada pelo Frente Brasil Popular em defesa do Rio São Francisco, no sertão de Itaparica. Já no quadro Cultura em Foco tem matéria sobre o Dia Nacional do Forró em Petrolina, com a voz das ruas sobre o estilo musical. E no quadro O Que Tu Indica tem o filme Extraordinário, em cartaz nos cinemas, que aborda a história de um garoto que nasceu com uma deformidade facial e, por isso, ficou impedido de frequentar a escola por muito tempo até se tornar o herói da quinta série. 

Em Minas Gerais, tem matéria sobre a entrega do relatório da Comissão da Verdade do Estado, com balanço das investigações realizadas por 4 anos. O documento traz dados inéditos sobre o período de repressão e os casos de violações de direitos humanos cometidos no estado durante a ditadura militar.

A prefeitura da cidade de Contágio, região metropolitana de Belo Horizonte está propondo uma reorganização das escolas, seguindo o modelo do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). O prefeito quer que as escolas sejam especializadas em séries, impossibilitando a formação dos alunos em uma unica unidade. A reportagem mostra que professores e pais de alunos tem protestado contra a medida. 

O programa ainda traz a informação sobre a captura de Adriano Chafik Luedi, mandante e executor do massacre de Felisburgo, quando 5 trabalhadores sem terra foram assassinados em 2004. 

Confira os programas que foram ao ar dia 9 de novembro:

São Paulo

Sorocaba

Pernambuco

Minas Gerais

Rio de Janeiro

Paraná

Edição: Camila Salmazio