Mobilizações

Centrais sindicais definem agenda de ações contra reforma da Previdência

"Se o Congresso colocar a proposta para votar o Brasil vai parar", alertou o presidente da CTB

Ouça a matéria:

Manifestação das centrais sindicais contra as mudanças trabalhistas e da Previdência no Largo da Batata/ São Paulo (SP) / Ricardo Stuckert

O governo está apostando todas suas fichas na aprovação da Reforma da Previdência. E para isso, começou 2018 com propagandas em todas as mídias defendendo as mudanças. Contra essa ofensiva, a centrais sindicais prometem mobilização e corpo a corpo com os trabalhadores para barrar a proposta que, segundos as entidades sindicais, se aprovada, vai impedir a aposentadoria das futuras gerações. 

Adilson Araújo, presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) reafirmou que "se o Congresso Nacional colocar a proposta para votar, o Brasil vai parar".

Ouça a matéria completa no áudio acima.

Edição: Rádio Brasil Atual