Entrevista

Stedile | “Os movimentos populares estão convencidos de que é preciso defender Lula”

Dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra comenta a ameaça de prisão contra o ex-presidente Lula

Brasil de Fato | São Paulo

,
João Pedro Stedile, dirigente nacional do MST / Rafael Stedile/BdF

Integrante da Direção Nacional do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), João Pedro Stedile analisa a ameaça de prisão do ex-presidente Lula, após finalização dos recursos no Tribunal Regional Federal da 4ª região (TRF4).

Para o dirigente, a trama para impedir a candidatura de Lula à Presidência da República é a expressão do temor da direita política, associada a setores do judiciário e do Ministério Público, em representação dos interesses imperialistas sobre a soberania do Brasil. “O processo da lava-jato é uma fantasia, uma montagem de power point”, destacou Stedile, em entrevista exclusiva ao Brasil de Fato.

No vídeo, ele destaca as contradições da direita, ao não conseguir apresentar uma candidatura forte o suficiente para disputar o pleito. Ainda segundo ele, o MST está convicto da necessidade de defender a liberdade e o direito de Lula ser candidato, de modo que o movimento estará em permanente mobilização.

Veja a entrevista na íntegra:

Edição: Leonardo Fernandes