Rádio

Ouça o Programa Brasil de Fato - Edição Pernambuco - 24/03/18

Celebrando o Dia da Verdade, destacamos a preservação da memória de lideranças populares e Ocupação do MTST no Recife.

Brasil de Fato Pernambuco | Recife (PE)

,

Ouça a matéria:

Conversamos com Cristiane Albuquerque (MST) e Tita Carneiro (Marcha Mundial das Mulheres) / Brasil de Fato

Ainda no embalo do mês de março, juntamos as bandeiras de lutas pelos direitos das mulheres com as bandeiras pelo direto humano no acesso à água. Entrevistamos Cristiane Albuquerque, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e Tita Carneiro, militante da Marcha Mundial de Mulheres. Nas primeira conversa, o foco foi a edição deste ano da Jornada de Luta das Mulheres do MST, que, dentre as atividades, realizou protestos contra a privatização da água. Na prosa com Tita Carneiro, há uma análise sobre a perseguição feita aos movimentos populares, como, por exemplo, a violência policial durante as manifestações e criação de um imaginário social de desordem. 

Ainda no assunto Mulheres, também fomos conferir de perto a Ocupação Marielle Franco, no Edifício Sulamérica, no Centro do Recife. A ocupação está sendo puxada por mulheres do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST). Ouvimos algumas mulheres e conferimos alguns detalhes sobre o edifício, que está abandonado há vinte anos. Ao celebrar o Dia Internacional da Verdade, lembramos a necessária fiscalização para manter intacta a memória sobre a vida e luta política da vereadora Marielle Franco, que foi executada no último dia 14 de março, ao lado do motorista Anderson Gomes.

Marielle Franco também esteve na pauta da coluna de Aristóteles Cardona, que lembrou uma situação de censura no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG), quando a torcida do Cruzeiro foi proibida de exibir bandeira em homenagem à vereadora. No quadro Esportes de Fato, apresentamos uma biografia sobre o goleiro soviético Lev Yashin, que está presente no pôster oficial da Copa do Mundo de 2018. 

Ainda nos destaques da semana, detalhamos o adiamento do julgamento de habeas corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal diante do ex-presidente Lula. Ao mesmo tempo, seguimos a rota de Lula pela Caravana no sul do país.

 

 







 

Edição: Daniel Lamir