Copa 2018

Brasil resolve no segundo tempo, vence o México e carimba vaga para quartas de final

Neymar e Roberto Firmino marcaram os gols brasileiros

Samara, na Rússia

,

Ouça a matéria:

Equipe comandada por Tite venceu os últimos três jogos pelo mesmo placar / Fifa

A Seleção Brasileira venceu o México, nesta segunda-feira (2), por 2 a 0 e carimbou uma vaga para as quartas-de-final da Copa.

Neymar e Roberto Firmino balançaram as redes da Arena Samara. O atacante Willian fez sua melhor partida no Mundial e justificou a titularidade com dribles, assistência e participação intensa no setor ofensivo. 

Primeiro tempo

Ao contrário do que esperava a animada torcida brasileira, o México tomou a iniciativa e foi superior nos quinze minutos iniciais. As jogadas de maior perigo aconteciam pela esquerda, quando Vera levava a melhor sobre Fagner e conseguia um cruzamento. Nenhuma das finalizações mexicanas, porém, obrigou o goleiro Alisson a praticar defesas difíceis.

O Brasil mudou o panorama do jogo a partir dos 20. Na primeira vez que recebeu com liberdade, Neymar fez grande jogada, invadiu a área e parou em ótima defesa de Ochoa. Na sequência do lance, Gabriel Jesus ainda teve a chance de marcar, mas a zaga tirou em cima da linha.

Gabriel Jesus, Neymar e Coutinho tiveram outras três oportunidades de balançar as redes, mas pararam na falta de pontaria ou nas boas defesas de Ochoa. 

Segundo tempo

Na volta do intervalo, o Brasil assumiu uma postura mais agressiva e se tornou dono do jogo.

Logo a cinco minutos, Neymar recebeu pela esquerda, driblou dois marcadores e rolou a bola de letra para Willian. O atacante do Chelsea se livrou de mais um defensor e cruzou rasteiro para o próprio Neymar balançar as redes: 1 a 0.

O domínio territorial continuou, mesmo após o primeiro gol. Aos treze, Willian tocou para Fagner em profundidade no lado direito. Quase na linha de fundo, o lateral cruzou e Paulinho chutou com força, nas mãos de Ochoa.

O México esboçou uma reação nos 20 minutos finais, e passou a oferecer espaços para contra-ataques. No melhor deles, Neymar avançou em velocidade e, com o bico da chuteira, deixou Roberto Firmino livre para definir o jogo.

O segundo gol saiu aos 42 minutos, e não havia tempo para mudanças no placar. Na melhor atuação de Willian e Neymar nesta Copa, a Seleção venceu e garantiu vaga nas quartas-de-final.

O único destaque negativo foi o terceiro cartão amarelo recebido por Casemiro, que terá que cumprir suspensão automática no próximo jogo.

Edição: Tayguara Ribeiro