Saúde

Uberlândia ganha serviço de entrega de alimentos da reforma agrária

Produtos não têm agrotóxicos e cultivo preserva o meio ambiente

Brasil de Fato | Belo Horizonte (MG)

,
Cestas são produzidas e comercializadas por agricultores familiares que fazem parte do MST / Divulgação

A partir de agosto, começará em Uberlândia as entregas da Cesta Semeando Agroflorestas, projeto que une a produção de alimentos saudáveis, sem agrotóxico e fertilizantes químicos, com a preservação do meio ambiente.

As Cestas Semeando Agroflorestas são produzidas e comercializadas por agricultores familiares camponeses que fazem parte dos Núcleos Agroecológicos dos Assentamentos Canudos, Florestan Fernandes e Emiliano Zapata, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), e pelos membros da Associação Camponesa de Produção da Reforma Agrária (Acampra).

A produção dos alimentos segue princípios da agroecologia, o que inclui um cultivo sem o uso de agrotóxicos e fertilizantes químicos. Além disso, os produtos são de sistemas agroflorestais (SAF’s), os quais aliam a produção de alimentos saudáveis à preservação do meio ambiente. Os agricultores já conseguiram realizar o cadastro como produtores orgânicos no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) através da Organização de Controle Social Embaúba (OCS Embaúba).

Acampra

A Acampra é composta por 50 famílias de assentamentos da reforma agrária da cidade de Uberlândia e já entrega, desde 2014, pelo Plano Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), 40 toneladas de alimentos mensais para escolas municipais e estaduais.

Conteúdo

A cesta é de acordo com o gosto do cliente. Na ficha de cadastro, há um espaço para o usuário colocar suas restrições alimentares ou produtos que não gostaria de receber.

Há três tamanhos. A grande pesa por volta de 8 kg e contém em média onze itens, entre folhosas, chá, temperos, plantas alimentícias não convencionais (PANC), legumes e frutas. A média pesa aproximadamente 5 kg e contém oito itens, como folhosas, chá, temperos, PANC, legumes e frutas. Já a pequena pesa por volta de 3 kg e contém cinco itens, entre folhosas, chá, temperos, PANC, legumes e frutas. A composição varia dependendo dos produtos disponíveis no momento.

Em cada cesta há uma receita diferente para ajudar os consumidores a variar o cardápio, diminuir o desperdício e aproveitar ao máximo todo os alimentos. O pagamento é mensal e a entrega é semanal.

Para começar a receber as cestas deve ser feito contato através do e-mail cestasemeandoagroflorestas@gmail.com ou pelo telefone (34) 99294-2121.

Edição: Joana Tavares