Democracia

Lula envia mensagem ao povo: "Urna não é lugar para digitalizar ódio"

Ex-presidente escreve carta, pede sim à esperança e indica voto no candidato do PT: "Haddad é Lula, Haddad é 13"

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,
PT divulgou neste sábado (6) mensagem de Lula aos eleitores / Ricardo Stuckert

Direto da Superintendência da Polícia Federal, onde é mantido preso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva escreveu uma carta, de próprio punho, endereçada ao povo brasileiro. O petista abre a mensagem lembrando que a "urna não é lugar para digitalizar ódio, mas sim esperança."

O ex-governante segue sua mensagem indicando voto nos candidatos do PT, qualificando o partido como "o que tem a experiência mais bem sucedida de governar o Brasil, com a mais forte política de inclusão social. Por isso, vote em Haddad para presidente. Haddad é Lula, Haddad é 13."

Por fim, Lula manda um grande abraço ao povo e termina com a mensagem: "Sem medo de ser feliz".

Confira abaixo um fac-símile da carta de Lula ao povo brasileiro:

Edição: Brasil de Fato