LANÇAMENTO

Livro de escritora mineira resgata história de feminicídio em Pernambuco nos anos 90

A obra conta a história de um relacionamento abusivo, que acaba em feminicídio, e da luta da mãe da vítima por justiça

Brasil de Fato | Recife

,
O livro também disponível também no formato ebook / Divulgação

A jornalista e escritora Sulamita Esteliam lança no próximo sábado, dia 23, às 20 horas, na Villa Ritinha, na Boa Vista, o livro Em Nome da Filha,  pela Editora Viseu.

 O cenário da história é o Grande Recife, especialmente o bairro de Maranguape, em Paulista, daí que não poderia ser outra a cidade escolhida para o lançamento oficial que não a capital pernambucana. 

A próxima parada é Belo Horizonte, Minas Gerais, terra da autora, em 12 de abril, na Casa do Jornalista. Outros lançamentos virão, em São Paulo e Brasília, ainda sem data definida, e onde mais couber. O livro também está disponível também no formato ebook.

A obra conta a história de um relacionamento abusivo, que acaba em feminicídio, e da luta da mãe da vítima para fazer justiça. Um crime anunciado, como definido pela imprensa local à época dos acontecimentos. No início e fim dos anos 1990 do século passado, morte e julgamento do réu tiveram ampla cobertura, dado o nível de crueldade e a singularidade dos detalhes estarrecedores do feminicídio.

É um romance-reportagem, no mesmo estilo do primeiro livro da autora – Estação Ferrugem, editado pela Vozes.. Ana Veloso, jornalista e professora da UFPE, assina o prefácio.

Edição: Monyse Ravenna