Economia

Com Bolsonaro, inflação não para de subir e já fica acima da meta

Índice de 0,75% em março é o maior desde 2015

Porém.net | Curitiba (PR)

,
Essa é a terceira alta (0,32% em janeiro e 0,43% em fevereiro) do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) / Marcos Corrêa/PR

A inflação do mês de março atingiu 0,75%, se tornando maior índice desde o mesmo período de 2015. Essa é a terceira alta (0,32% em janeiro e 0,43% em fevereiro) do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), jogando a inflação para 4,58% nos doze meses acumulados. A meta para 2019 é 4,25%. O índice de março é o maior desde julho de 2018 (0,33%), quando a inflação começou a cair no país.

De acordo com o IBGE, a aceleração da inflação no mês foi determinada pelas altas de 1,37% no grupo Alimentação e bebidas e de 1,44% nos Transportes. Juntos, esses grupos responderam por 80% do índice do mês. Todos os grupos pesquisados no IPCA subiram de preço, exceto Comunicação, que com -0,22% foi o único com deflação.

Edição: Laís Melo