Rádio

Ouça o Programa Brasil de Fato – Rio de Janeiro – 18/06/19

Decreto presidencial nomeia reitor e federalização dos crimes atribuídos a operações com helicópteros são os destaques

Brasil de Fato | Rio de Janeiro (RJ)

,

Ouça o áudio:

A eleição para reitor na Unirio aconteceu em abril / Reprodução/ DCE Unirio

O programa da última terça-feira (18) fala sobre a nomeação do reitor da Unirio por Bolsonaro por meio de decreto e Ministério Público Federal (MPF) federaliza apuração de crimes atribuídos a operações com helicópteros em favelas e comunidades.

Em entrevista, Maria Aparecida Silva Ribeiro, professora do Centro de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio) e membro da diretoria da Adunirio, informa sobre a nomeação e o que isso representa para a universidade. Para Maria Aparecida, significa a abertura de um precedente perigoso para a democracia, pois desconsidera o processo eleitoral e impõe uma lógica de controle autoritário para todas as instâncias nas universidades.

Gizele Martins, comunicadora da Maré e integrante do Movimento de Favelas do Rio de Janeiro, conversa sobre a decisão do MPF em relação às ações dos chamados “caveirões aéreos” nas favelas e sobre a posição do governador Witzel que defende o uso de helicópteros nas operações. Segundo Gizele, é lamentável que o governador fale da favela como inimiga que precisa ser combatida, já que a população quer segurança pública e direito à vida.

Nas reportagens: aberta a primeira chamada do ProUni; e no quadro Alimento é Saúde, a Mangabeira, árvore típica do litoral norte do Brasil.

No Papo Esportivo, a vitória do Brasil sobre a Itália e a quebra do recorde de gols em Copas do Mundo por Marta.

 

Edição: Fernanda Castro