Esporte

Brasil fatura medalhas na natação no Mundial de esportes aquáticos

Campeonato acontece em Gwangju, na Coreia do Sul

Brasil de Fato | Natal (RN) |
Os brasileiros Felipe Lima e João Gomes Junior levaram prata e bronze, respectivamente
Os brasileiros Felipe Lima e João Gomes Junior levaram prata e bronze, respectivamente - Ed Jones/AFP

Na última quarta-feira (24), o Brasil conquistou mais duas medalhas no Mundial de esportes aquáticos, que acontece em Gwangju, na Coreia do Sul. Os brasileiros Felipe Lima e João Gomes Junior levaram prata e bronze, respectivamente, e foram ao pódio nos 50 metros peito. Felipe Lima terminou em segundo, com 26s66, e João Gomes Junior marcou 26s69, levando o bronze. O ouro ficou com o britânico Adam Peaty, que completou a prova em 26s06. O resultado é histórico: a "dobradinha" no Mundial é inédita para o Brasil.
Já na manhã de hoje (25), Etiene Medeiros conquistou a medalha de prata na prova dos 50 metros costas com tempo de 27s44. A norte-americana Olivia Smoliga ganhou o ouro com 27s33 e o bronze ficou com a russa Daria Vaskina. A nadadora brasileira colocou no nome na história, em julho de 2007, no Mundial de Budapeste, quando tornou-se a primeira campeã em mundial de piscina longa com 27s14.
Nessa 18a edição do Mundial, o Brasil, após 13 dias de competição, já soma seis medalhas.

Edição: Marcos Barbosa