COLUNA DOS CLUBES

Coluna do Sport | Robin Hood forasteiro

A variação de qualidade do time nos episódios está afastando uma possibilidade de assumir uma gordura no G4

Brasil de Fato | Recife (PE)

,
Há contrastes como um belo futebol contra o líder Bragantino fora de casa e um pífio em casa contra um Guarani fazendo péssima campanha / Divulgação/Bragantino

O Sport está parecendo um “Robin Hood forasteiro”. Dentre se manter no pelotão de cima e, ao mesmo tempo, patinar em jogos “fáceis”, a quebra de expectativas é uma das marcas leoninas nesta Série B 19. Há contrastes como um belo futebol contra o líder Bragantino fora de casa e um pífio em casa contra um Guarani fazendo péssima campanha. Em outras palavras, o fraco “fator casa” está sendo equilibrado pela condição de “visitante desagradável”; e os escorregões contra times da parte de baixo da tabela amenizados pelos bons resultados contra os times de cima.

No papel, o Sport tem elenco para ser campeão e um treinador reconhecido por bons trabalhos. Mas, na prática, a variação de episódios está afastando uma possibilidade de assumir uma gordura no G4. É verdade que tem muito jogo pela frente, mas o tempo de estabilizar os resultados está entrando no acréscimos.

Edição: Monyse Ravenna