Será que açúcar só faz mal?

Imagem de perfil do Podcast
Alimento é Saúde

Ouça o áudio:

O ideal é consumir os alimentos sem adição de açúcar, para ter a percepção total do sabor da comida. / Pixabay
Existem pelo menos sete tipos de açúcares feitos para adoçar receitas

Ninguém resiste a um docinho, mesmo sabendo que muito açúcar não faz bem ao corpo. Mas você já se perguntou se todo tipo de açúcar, de fato, faz mal?

Hoje, existem muitos açúcares disponíveis para consumo. O mais famoso é o refinado, branco e de cristais pequenos, muito usado na culinária e para adoçar receitas e bebidas. 

De acordo com a nutricionista Pamela Terra, é justamente esse tipo de açúcar que não faz bem ao nosso organismo: “quando mais refinado, mais branco, pior ele é. Porque no refinamento vai se perdendo vitaminas, minerais, fibras etc. Em se tratando de adoçar alguma coisa, o ideal é não se adoçar nada, é consumir o alimento da forma que ele veio ao mundo. Consumir seu alimento na versão in natura sem ter que ficar adoçando, porque a partir do momento em que adoça, tudo passa a ter o sabor doce, e não sentimos o real sabor do alimento” 

Mas nem tudo precisa ser tão radical. De acordo com Pamela, é possível, sim, adoçar os alimentos, mas o ideal é escolher o tipo certo de açúcar: "em último caso, em receitas em que for necessário adoçar, o ideal é usar o açúcar que é menos refinado. Ou açúcar mascavo, ou mel, ou colocar frutas mais doces na composição ou em receitas, porque aí o açúcar dessa fruta adoçar o alimento que for ser consumido".

Um hábito importante para nossa saúde é sempre verificar qual açúcar que está inserido na nossa alimentação, seja por receitas caseiras ou industrializadas.

Existem três tipos de carboidratos que nós consumimos: os simples, os complexos e os refinados. O açúcar se trata de um carboidrato simples. O melhor é consumir pouco, como explica a nutricionista: "a quantidade, por dia, o ideal é que a gente tenha uma ingestão de mais ou menos 40 ou 50% proveniente de carboidratos. E deles, apenas 10% seria o recomendado de carboidratos simples. Então, é consumir açúcar através da ingestão de frutas, de uma forma natural, e se houver necessidade, adoçar com açúcar mascavo ou mel".

Hoje, existem pelo menos sete tipos de açúcar que podem ser utilizados na nossa alimentação:

Açúcar cristal:

Possui cristais grandes e irregulares e é branco

Açúcar de confeiteiro:

Também branco, com grãos muito finos 

Açúcar mascavo:

Obtido a partir do cozimento do caldo da cana, o que mantém boa parte de seus nutrientes, de cor marrom

Açúcar demerara:

Parecido com o mascavo, com a diferença de passar por processo de refinamento

Açúcar light:

Uma mistura entre o açúcar refinado e adoçantes artificiais ou naturais

Açúcar orgânico: 

Sem produtos artificiais, adubos, fertilizantes químicos ou agrotóxicos

Açúcar de coco:

Obtido a partir da seiva do coqueiro.

 

Edição: Geisa Marques