Petrobras

Editorial | “O petróleo é nosso”

No dia 3 de outubro, acontece em todo o Brasil atos em defesa da Petrobras e da soberania

Brasil de Fato | Fortaleza (CE)

,
"Dia 03 de outubro é dia de ecoar novamente que o Brasil continua de pé e em frente na luta por esse futuro inclusivo." / Foto: Divulgação Sindipetro-BA

Com a proximidade do mês de outubro começam as mobilizações pela soberania nacional, utilizando o aniversário da Petrobras novamente como marco. A estatal, que já nasceu com um forte apelo de riqueza do povo, ilustra a busca por maior independência política e econômica, demonstrando a capacidade de determinado país de gerir e potencializar suas próprias riquezas. “O petróleo é nosso”, uma palavra de ordem existente antes mesmo de sua fundação, continua viva, mostrando como esse setor foi sempre alvo de disputas e perseguições, e como esse é um fantasma que assombra muitas dessas empresas.

O anúncio do governo sobre o pacote que visa privatizar mais de 15 estatais indica que a gestão de Bolsonaro não se preocupa em assegurar um futuro autônomo. Alguns pontos são importantes: existe um grande número de brasileiros que irão enfrentar o desemprego com a privatização, sendo milhares de famílias sem perspectiva; algumas dessas empresas garantem a segurança de nossas informações, como o Serpro e Dataprev, empresas que possuem dados sigilosos e que servem como banco de dados para o Ministério da Fazenda e para a Receita Federal; quem ganha com essas privatizações? O serviço privado no Brasil é de alguma forma mais barato e acessível que os serviços públicos?

Assistimos ações que degradam as condições básicas de vida da população em geral: mais de 13 milhões de brasileiros desempregados, os preços da luz e do gás continuam subindo, o preço do combustível segue em alta, além de um total descaso com a preservação ambiental que fez o Brasil virar notícia mundial. As privatizações só irão piorar um cenário de dependência e recessão.

É tarefa de todos irem às ruas para demarcar que existe outro projeto de sociedade, onde o desenvolvimento caminha de braços dados com a qualidade de vida do povo. O aniversário da Petrobras novamente se torna esse marco de encontro de tantos sonhos e lutas, e nesse ano de 2019 com ainda mais força para combater os planos desse governo que planeja liquidar nossas riquezas e leiloar nossa soberania.

Dia 03 de outubro é dia de ecoar novamente que o Brasil continua de pé e em frente na luta por esse futuro inclusivo, de uma nação forte e verdadeiramente soberana.

Edição: Monyse Ravena