OUÇA A ENTREVISTA

Livro bilíngue busca fortalecer identidade de crianças negras

Em português e em kibundu, a obra infanto-juvenil será lançada em São Paulo no dia 12 de outubro

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,

Ouça o áudio:

Odara Dèlé lança seu primeiro livro / Divulgação

A educadora Odara Dèlé desenvolve trabalhos voltados para a infância e suas especificações. Ela é idealizadora do Alfabantu,  um aplicativo focado no processo de alfabetização, com ênfase nas contribuições africanas na fala dos brasileiros.

Dèlé traz mais uma novidade: ela vai lançar no dia das crianças (12) o livro ‘Lukenya e seu poder poderoso’, às 17h, no Centro Cultural São Paulo.

 A publicação bilíngue é escrita em português e kimbundu, língua originária do território africano nas regiões da República do Congo e Angola

Em entrevista ao Brasil de Fato, a autora conta que a inspiração para escrever a história de Lukenya veio de uma viagem que fez à África. “Os leitores têm essa possibilidade de fazer esse fluxo transatlântico entre o continente africano e o americano através de um livro infanto-juvenil. Ele é o desdobramento do trabalho realizado pela Alfabantu, que vai fazer essa aproximação das crianças com a língua africana kimbundu", diz. 

A cada página, Lukenya leva o leitor a viver uma aventura em busca de seu grande tesouro, do seu poder poderoso. O livro traz referências da cultura africana como ancestralidade, oralidade, música e filosofia, com o intuito de fortalecer as identidades negras no período das infâncias.

“Para a menina ou menino negro se ver em uma obra é extremamente importante, ainda mais com atributos positivos. Muitas vezes, nos ambientes escolares, se ressaltam aspectos negativos da população africana e afro-brasileira”, explica.

“Então, um livro que traz um olhar positivo para todas as características físicas é extremamente importante para a formação intelectual e da autoestima das crianças negras e não negras”, conclui.

Ouça a entrevista completa



 

Edição: Geisa Marques