LANÇAMENTO

Livro coletivo ‘Poetas da Dura Noite’, a poesia como ferramenta de resistência

Obra com escritos realizados no RS sob a opressão no período de ditadura será lançada na Feira do Livro de Porto Alegre

Brasil de Fato | Porto Alegre (RS)

,
Lançamento será na sexta-feira (8), às 17h30, Praça de Autógrafos / Foto: Divulgação

O Comitê Carlos de Ré da Verdade e Justiça do Rio Grande do Sul convida para o lançamento do livro coletivo “Poetas da Dura Noite”, na Praça de Autógrafos da Feira do Livro de Porto Alegre, nesta sexta-feira (8), às 17h30. Autores dos textos e ativistas que integram o Comitê – que se dedica a lembrar, revelar, revisar, julgar e fixar na cultura de todos os cidadãos do Brasil os atos de violência praticados contra o povo brasileiro pela ditadura militar, entre os anos de 1964 e 1985 – estarão presentes para autografar a obra e dialogar com os leitores.

“A clara luz da Poesia aqueceu o coração dos humilhados nas masmorras”, comentou em suas redes sociais o músico Raul Ellwanger, ao divulgar o lançamento da obra. O que o leitor vai encontrar nas páginas dessa coletânea? Cárcere, exílio, clandestinidade, vida secreta, desaparecimento forçado, são algumas das situações em que jovens mulheres e homens encontraram na poesia o apoio para superar períodos de desamparo e temor.

A apresentação, assina pelo Comitê, expressa a intenção de “trazer à luz um aspecto especial e peculiar da vida dos resistentes, com a edição de poemas criados em situação de ameaça, coerção, dor física, desamparo e amedrontamento”. Acrescenta ainda que os textos “com sua carga de beleza e fantasia, de ilusão política, de devaneios e amores, de reflexões e autocríticas pessoais (…) misturam o poder natural da palavra poética com a dramática situação de vida daquelas moças e moços”.

Todos e todas que puderem adquirir o livro físico são convidados a participar do lançamento. Aos distantes, Comitê e autores disponibilizaram, através da página do Jornal Já, os escritos publicados individualmente (link abaixo). Para Conhecer mais sobre o Comitê Carlos de Ré, acesse o blog que é mantido pelos ativistas (link abaixo)

Acesse os textos aqui: http://www.jornalja.com.br/duranoite/

Acesse o blog aqui: https://comitedaverdadeportoalegre.wordpress.com/

Edição: Marcelo Ferreira