Serviço

AGENDA BdF RS

Confira a agenda de debates, palestras, atos e eventos públicos para os próximos dias em Porto Alegre e região

Brasil de Fato | Porto Alegre (RS)

,
Agenda da semana do dia 09 de dezembro / BdF-RS

09 (segunda-feira) a 13 de dezembro (sexta-feira) - Agenda geral da greve dos servidores estaduais

09/12

09h e 30 min - Concentração no Centro Administrativo Fernando Ferrari (CAFF)

13h e 30 min - Saída em direção ao Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS)

Início do diálogo com os deputados sobre a retirada do Pacote da Morte

Atividades nos piquetes dos locais de trabalho

10/12

09h e 30 min - Assembleia unificada de todas as categorias de servidores estaduais que estão em greve. Na Praça da Matriz, centro Porto Alegre

11/12

08h e 30 min - Marcha dos servidores públicos contra o pacote da morte e em defesa da Saúde pública.

Concentração: Hospital Psiquiátrico São Pedro e no Hospital Sanatório Partenon.

A marcha irá em direção ao Centro Estadual De Vigilância em Saúde (CEVS) e à Escola de Saúde Pública RS (ESP). Na parte da tarde, 13h30 panfletagem na Feirinha Ecológica da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural.

Nos dias 11 e 12/12, quarta e quinta, os servidores grevistas estarão arrecadando brinquedos e produtos de higiene para a Mirabal e para o Asilo Padre Cacique. Serão instalados pontos de coleta no CAFF, HPSP e no HEMOCENTRO.

12/12 - Velório e enterro do Pacote da Morte. Concentração ás 18h na esquina democrática. O cortejo seguirá pela Avenida Borges de Medeiros em direção ao Largo Zumbi dos Palmares.

13/12 - Entrega dos brinquedos e produtos de higiene arrecadados


09 de dezembro (segunda-feira) - Palestra e Roda de Conversa: representatividade feminina

Às 09h, no Centro Cultural da UFRGS (Av. Eng. Luiz Englert, s/n - Bairro Farroupilha, Porto Alegre)

Mulheres na Ciência e na Sociedade: forças invisíveis que influenciam a representatividade feminina. “Viés” é uma palavra associada a análise, julgamento ou atitude tendenciosa que não respeita os princípios de imparcialidade. O viés contra uma pessoa ou grupo pode gerar uma avaliação injusta. Esse viés de julgamento pode ser consciente ou inconsciente (não percebido) e pode ocorrer em função da cor da pele, etnia, religião, gênero, orientação sexual, peso, deficiência física ou mental, entre outros. Os estereótipos transmitidos repetida e imperceptivelmente através de vários canais de informação induzem crenças implícitas que serão usadas para organizar e categorizar socialmente o mundo. O objetivo deste seminário é trazer a discussão sobre viés implícito, focando na questão de gênero. Quais as consequências deste viés e como isto impacta na representatividade das mulheres em diferentes setores da sociedade.


09 de dezembro (segunda-feira) - Outorga de Medalha do Mérito Farroupilha ao Professor Fernando Haddad

Às 11h, Salão Júlio de Castilhos, Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (Praça Mal. Deodoro, 101 - Porto Alegre)

Proposição Deputado Luiz Fernando Mainardi.


09 de dezembro (segunda-feira) - Roda de Conversa: Os Sindicatos e a Luta dos Trabalhadores

Às 15, na Secretaria de Agricultura do RS (Avenida Getúlio Vargas, 1384, Menino Deus, Porto Alegre)

Nessa segunda-feira (09), os servidores da Agricultura em greve realizam uma roda de conversa. O debate terá a participação da professora Neida Oliveira, do Comando de Greve do CPERS que tratará sobre a história dos sindicatos, greve, mobilização dos trabalhadores.


09 de dezembro (segunda-feira) - Conversa com Haddad - Perspectivas da Educação no Brasil

Às 17h, no Auditório do Sindibancários, Rua General Câmara, 424, Centro, Porto Alegre


09 de dezembro (segunda-feira) - Debate com o Professor Fernando Haddad

Às 18h, na sala João Neves da Fontoura, o Plenarinho da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (Praça Mal. Deodoro, 101 - Porto Alegre)


09 de dezembro (segunda-feira) - Lançamento de A cor da Esperança de Renato Dornelles

Às 20h, no Centro Municipal de Cultura Lupicínio Rodrigues (Avenida Érico Veríssimo, 307, Azenha, Porto Alegre)

'A cor da Esperança' é a primeira obra do campo da ficção do jornalista e escritor Renato Dornelles. O livro é uma homenagem à Restinga Velha e um resgate dos territórios negros da capital gaúcha por onde muitas 'Donas Esperanças' passaram. A matriarca da família personifica as diversas mulheres negras, moradoras das favelas, que são linha de frente na defesa de suas famílias, filhos e comunidades. Assim como as antigas Candaces, rainhas da África ancestral, cujo espírito guerreiro segue vivo hoje no corpo das mulheres negras do nosso Brasil.


09 de dezembro (segunda-feira) - Sínodo - Avanços e Consequências Práticas com Daniel Seidel

Às 19h, no Sindicato dos Sapateiros de Novo Hamburgo (Rua Visconde de Taunay, 177, Centro, Novo Hamburgo)


10 de dezembro (terça-feira) - Assembleia Unificada do Funcionalismo Público

Às 09h, na Praça da Matriz, Centro, Porto Alegre


10 de dezembro (terça-feira) - Audiência Pública da Comissão de Educação sobre “A Educação Infantil Gaúcha: Desafios para a Concretização do Direito para todas as Crianças”

Às 09h, na sala João Neves da Fontoura (Plenarinho), Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (Praça Mal. Deodoro, 101 - Porto Alegre)


10 de dezembro (terça-feira) - Desmistificando a Constituição

Às 18h, na Casa Alegria 351 (Rua dos Andradas, 351, Centro Histórico, Porto Alegre)

“A cidadania está na constituição é preciso conquistá-la” essa é a frase que levou o advogado Mario Madureira a propor um bate papo para desmistificarmos aspectos da nossa cidadania que, muitas vezes, nem imaginamos serem nosso direito. Mario Madureira, advogado, membro da Coordenação Executiva da Associação de Juristas Pela Democracia - AJURD, integrante do Comitê em Defesa da Democracia e do Estado Democrático de Direito.


10 de dezembro (terça-feira) - Em Defesa do Código Ambiental - Prenda a Respiração: A poluição do ar pode sair do código ambiental

Às 10h e 30 min, concentração em frente à ssembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, (Praça Mal. Deodoro, 101 - Porto Alegre/RS). Às 14h é a Sessão Plenária .


10 de dezembro (terça-feira) - Intervenção pelos #16DIASDEATIVISMO

Às 16h e 30min, em frente a Prefeitura de Porto Alegre (Praça Montevidéo, 10, Centro Histórico, Porto Alegre)

A atividade faz parte dos 16 dias de ativismo do Dia Internacional pela Não Violência contra as Mulheres.


10 de dezembro (terça-feira) - Palestra: Diálogos sobre Direitos Indígenas

Às 19h, na Femargs (Rua Rafael Saadi, 87 - Menino Deus, Porto Alegre)

Um debate sobre o Pluralismo Jurídico a partir da experiência desenvolvida pela professora Íris Pereira Guedes junto às aldeias indígenas do RS.

Palestrantes: Profª Me. Íris Pereira Guedes e Viviane Kaigang (Aldeia Kanhgág Votouro)

Informações/Inscrições: [email protected]


10 de dezembro (terça-feira) - Poetas da Dura Noite no Dia Internacional dos Direitos Humanos

Às 18h, no Museu da UFRGS (Av. Osvaldo Aranha, 277, Porto Alegre)

Para celebrar o Dia Internacional dos Direitos Humanos, o Museu contará com programação em 10 de dezembro a partir das 18h. Entre elas, a apresentação do livro Poetas da Dura Noite, Editado pelo Comitê Carlos de Ré da Verdade e Justiça do Rio Grande do Sul. O livro reúne poemas de autores e autoras que enfrentaram a violência e a censura da ditadura militar, entre 1964 e 1985 em Porto Alegre.

Inscrições no local a partir das 17h. Vagas limitadas.

Programação:

Marco contemporâneo dos direitos humanos: normas e práticas. Com José Carlos Moreira da Silva Filho – Professor de Direito PUCRS

Apresentação do Livro Poetas da Dura Noite. Com Comitê Carlos de Ré

Direitos Humanos no enfrentamento ao racismo. Com Reginete Bispo – Socióloga; Coordenadora da Akanni - Instituto de Pesquisa e Assessoria em Direitos Humanos, Gênero, Raça e Etnias

Direitos Humanos e Livre Expressão Sexual. Com Nuances - Grupo pela Livre Expressão Sexual

O arbítrio civil-militar: testemunho audiovisual de Antônio Losada e experiências do projeto Clínicas do Testemunho com Maíra Brum Rieck, psicóloga e psicanalista da Associação Psicanalítica de Porto Alegre (APPOA)

Relatório Figueiredo: o grito que vem da aldeia. Com Danilo Braga (Kaingang) – Professor; doutorando em História/UFRGS

Sarau, com poemas e canções. Com Coletivo Testemunho e Ação (SIG) e Grupo do Instituto de Artes da UFRGS

Realização: Museu da UFRGS e Comitê Carlos de Ré da Verdade e da Justiça

Apoio: Associação Mães e Pais pela Democracia, Coletivo Testemunho e Ação – SIG, NUANCES – Grupo pela Livre Expressão Sexual


10 de dezembro (terça-feira) - Lançamento do Painel de Especialistas - Análise Crítica do Estudo de Impacto Ambiental Mina Guaíba

Às 18h e 30min, Auditório da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS (Avenida João Pessoa, 52, Centro, Porto Alegre)


10 de dezembro (terça-feira) - 14º Ciclo de Conferências estudos Avançados em Ciências e Humanidades - O fim dos Estados de Bem Estar Social ou a Mundialização da proteção social?

Às 14h, no Instituto Latino-Americano de Estudos Avançados – ILEA/Ufrgs (Avenida Bento Gonçalves, 9500 - Prédio 43.322 - Campus do Vale, Porto Alegre)

Com a professora Soraya Cortez (PPGS/UFRGS)


11 de dezembro (quarta-feira) - Roda de Conversa: Expurgos dos anos 60 na voz de quem os viveu

Às 18h, no Memorial 50 anos dos expurgos na UFRGS (Av. Paulo Gama s/n, 9004060 Porto Alegre)

Participantes: Claudio Francisco Accurso , Luiz Carlos Pinheiro Machado, Carlos Jorge Appel, Maria da Glória Bordini, Maria Luisa de Carvalho Armando; Suzana Lisboa;Jair Krischke;Carlos Frederico Guazzelli.


12 de dezembro (quinta-feira) - Lançamento da Obra: Direito das Lutas

Às 19h, Femargs (Rua Rafael Saadi, 87, Menino Deus, Porto Alegre)

Com o professor e pesquisador permanente do CEBRAP José Rodrigo Rodriguez


12 de dezembro (quinta-feira) - Roda de conversa: a história de uma dívida que já foi paga, o que o servidor  tem haver com isso? 

Às 10h, piquete do Centro Administrativo do Estado do Rio Grande do Sul - CAFF (Av. Borges de Medeiros, 1501 - Centro Histórico, Porto Alegre)

A roda de conversa será com o Dr. Josué Martins, do Núcleo Gaúcho da Auditoria Cidadã da Dívida Pública. 


12 de dezembro (quinta-feira) - Diálogos Democracia X Ditadura - Comunicação, Direitos Humanos e AI5

Às 18h, Centro de Convenções Sérgio Napp (sala 2, Casa de Cultura Mario Quintana, Rua dos Andradas, 736 - Centro Histórico, Porto Alegre)

Com o jornalista Antônio Pinheiro Salles e convidados

Entrada Franca


12 de dezembro (quinta-feira) - Desafios da Democracia

Às 19h, na Câmara Municipal de Vereadores de Novo Hamburgo (Rua Almirante Barroso -261, Novo Hamburgo)

Convidados: Karen Santos, vereadora de Porto Alegre pelo PSOL; Juliano Roso, presidente do PCdoB – RS; Paulo Pimenta, deputado federal e presidente do PT – RS.

Promoção: Diretórios municipais do PCdoB, PSOL e PT de Novo Hamburgo


13 de dezembro (sexta-feira) - V Mãos Verdes de Portas Abertas: Mudanças Climáticas

Às 09h e 30 min, Sede da Mãos Verdes (Rua dos Andradas, 932, sala 901, Centro Porto Alegre)

No dia 25 de novembro de 2019 OMM (Organização Meteorológica Mundial), uma agência das Nações Unidas, apresentou boletim anual sobre a concentração de gases de efeito estufa:"devemos voltar pelo menos três milhões de anos para encontrar uma concentração tão grande na atmosfera". Está aumentando o fosso entre o que precisa ser feito e o que está sendo feito para conter o aquecimento global. Foi o que a ONU voltou a alertar, destacando que o tempo para alcançar a meta mais ambiciosa do Acordo de Paris está se esgotando. No dia 13 de dezembro, a Mãos Verdes estará de portas abertas para tratar desse assunto tão importante e urgente. Contaremos com a presença da Kátia Cañelas, criadora da Clima em Curso, doutora em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável pela Universidade de Lisboa.


14 de dezembro (sábado) - O que as mães precisam? Bate papo com Manuela d´Ávila

Às 10h, na Casa 45 Coworking (Rua Sacadura Cabral, 45 - Petrópolis, Porto Alegre)


14 de dezembro (sábado) - Lançamento do Congresso do Povo de Porto Alegre

Às 16h, Redenção - Parque Farroupilha (Parque Farroupilha, S/N, Porto Alegre)

Presença Confirmada: Manuela D'Ávila


14 de dezembro (sábado) e 15 de dezembro (domingo) - IV Assembleia dos Povos - Quilombolas e Indígenas - Construindo o bem viver contra o racismo e o colonialismo

Às 09h, na Escola Municipal Liberato Salzano (R. Xavier de Carvalho, 274, no bairro Sarandi, Porto Alegre)

Inscrições: https://bit.ly/2PqfXiI


16 de dezembro (segunda-feira) - Lançamento em PoA: Frente em defesa do cinema e audiovisual

Às 18h, na Cinemateca Paulo Amorim (Rua dos Andradas, 736 - Centro Histórico, Porto Alegre)

O audiovisual e o cinema brasileiro estão ameaçados com o governo Bolsonaro. Diante de uma gestão que ataca a liberdade de expressão e artística, extingue o Ministério da Cultura, suspende edital de fomento ao audiovisual com temática racial e LGBT, ameaça de fechamento a ANCINE, corta recursos do FSA e reduz participação da sociedade civil no Conselho Superior do Cinema, é preciso pensar formas de resistência e luta em defesa da indústria cinematográfica e contra retrocessos no fomento através de recursos públicos para o desenvolvimento do audiovisual.

O RS, com mais de 800 produtoras, tendo produzido centenas de longas e curtas-metragens em 2018, já é um dos estados mais atingidos por essa política retrógrada do governo federal, que ameaça empregos de produtores, roteiristas, diretores, figurinistas, atores e demais profissionais do setor do audiovisual e a continuidade de projetos.

Edição: Marcelo Ferreira