Inconstitucional

Jornal Brasil Atual Edição da Tarde | 26 de fevereiro de 2020

Repercussão de convocatória de Jair Bolsonaro para ato contra Congresso é destaque no programa

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |

Ouça o áudio:

Ouça o programa ao vivo das 17h às 18h30 na Grande São Paulo (98.9 MHz) e noroeste paulista (102.7 MHz) e através do site do Brasil de Fato - Juliana Almeida | RBA

O Brasil se tornou o primeiro país da América Latina a identificar um caso de coronavírus. Após confirmação da doença no país, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, comparou o covid-19 a "uma gripe", e afirmou que o governo está observando o comportamento do vírus no país.

Para falar sobre o envolvimento do presidente Jair Bolsonaro na convocação de ato pelo fechamento do Congresso, o Jornal Brasil Atual Edição da Tarde recebeu o professor da Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense (UFF) e membro da Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD), Rogério Dultra dos Santos. 

Para Santos, a "gravíssima" ação de Bolsonaro é feita em meio a uma situação de fragilidade do governo federal: "Nesse momento histórico o governo Bolsonaro está muito enfraquecido, não só pelas denúncias, mas pela patente incapacidade do presidente de gerir as reformas demandadas pela burguesia, essa incapacidade política e técnica do governo está afastando seus apoiadores mais ferrenhos, especialmente o mercado. O mercado já está lendo que essa instabilidade política e administrativa gera crise econômica, e gera uma incapacidade de o governo de debelar a crise econômica, e esse é o grande problema deste governo: sua incapacidade de superar uma crise instalada desde 2015".

O jornal também conversa com o consultor da Federação Nacional dos Engenheiros (FNE), Artur Araújo, para analisar a relação entre a epidemia coronavírus e a economia internacional e nacional. Nesta quarta (26), o Ibovespa despencou mais de 7%, e o dólar operou em alta na reabertura dos mercados, chegando a R$ 4,44. 

Ao ser questionado sobre as medidas que o governo Bolsonaro deveria tomar para tentar reduzir os impactos que o vírus possa ter na economia nacional, Araújo é enfático: "o governo deveria fazer o que se recusa fazer desde que assumiu: liberar os gastos estatais. A economia brasileira patina seguidamente porque há uma recusa ideológica a pôr o Estado brasileiro como um motor da economia".

Confira os outros destaques no início do jornal.

-------------

O Jornal Brasil Atual Edição da Tarde é uma produção conjunta das rádios Brasil de Fato e Brasil Atual. O programa vai ao ar de segunda a sexta das 17h às 18h30, nas frequências da Rádio Brasil Atual na Grande São Paulo (98.9 MHz) e noroeste paulista (102.7 MHz), e pela Rádio Brasil de Fato (online). Também é possível ouvir pelos aplicativos das emissoras: Brasil de Fato e Rádio Brasil Atual.     

Edição: Mauro Ramos