Novas medidas

Coronavírus: Ceará isenta cerca de 338 mil famílias do pagamento da conta de água

O Ceará tem 125 casos confirmados de coronavírus

Brasil de Fato | Fortaleza (CE) |
Para combater a proliferação do vírus, o governo do estado do Ceará determinou, desde o dia 16 de março, Estado de Emergência de Saúde Pública no Ceará. - Foto: EBC

Até o domingo (22)  o Ceará registrou a 125 casos confirmados de coronavírus. Para combater a proliferação do vírus, o governo do Estado do Ceará determinou, na última segunda-feira (16), Estado de Emergência de Saúde Pública no Ceará. Em coletiva de imprensa, o governador Camilo Santana apresentou medidas preventivas tomadas pelo Comitê Estadual de Enfrentamento ao coronavírus.

No domingo,  Santana fez outro pronunciamento, dessa vez em suas redes sociais, onde apresentou novas medidas de contenção do vírus, além de apoio social à população durante o período de quarentena determinado pelo governo.

Em seu pronunciamento, o governador do Ceará falou sobre a importância de garantir o acesso à água e isentou aproximadamente 338 mil famílias do pagamento da conta de água pelos próximos três meses. Elas se enquadram no padrão básico da tarifa social, cujo consumo mensal não ultrapassa 10 metros cúbicos.

Santana também suspendeu a taxa de contingenciamento para 221 mil domicílios que estejam dentro dos padrões básico e popular. A taxa é cobrada quando um limite preestabelecido é ultrapassado. 

A Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa) já disponibiliza, desde o dia 10 de março, canais de atendimento à população que queira tirar dúvidas sobre o coronavírus, pelos telefones: (85) 3219-5973/8582 ou (85) 98439-0422. O atendimento é diário, das 7h às 19h.

Para consultar locais de atendimento, unidades para internamentos, além dos pontos para coleta de exame o governo disponibilizou um endereço eletrônico

Sobre o coronavírus

De acordo com informações divulgadas no site do Governo do Estado do Ceará, “os coronavírus são uma grande família viral, que causam infecções respiratórias em seres humanos e em animais. Em 80% dos casos, infecções por coronavírus causam doenças respiratórias leves a moderadas, semelhantes a um resfriado comum”.

O Brasil de Fato Ceará listou abaixo uma série de ações preventivas que podem ser tomadas para amenizar a crise vivida durante o período de coronavírus, além de dar dicas de locais de atendimento médico. Confira.

Saiba quais as principais orientações para se prevenir contra o coronavírus:

• Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar;

• Usar um lenço de papel para cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar e descartá-lo no lixo após o uso;

• Higienizar as mãos após tossir ou espirrar;

• Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

• Não compartilhar objetos de uso pessoal, como copo, talheres, etc.;

• Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência;

• Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;

• Lavar as mãos frequentemente por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool quando a primeira opção não for possível;

• Evitar contato próximo com pessoas doentes;

• Ficar em casa enquanto estiver doente;

• Quem viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), além de evitar a circulação em mercados de animais e seus produtos.

Caso apareça algum sintoma da doença, a indicação é para procurar o serviço de saúde mais próximo de sua residência e, a partir daí, seguir as orientações dadas pelo médico que deverá avaliar e definir se é necessário fazer o encaminhamento a um hospital que atenda os casos de maior complexidade considerados graves, ou não.

Hospitais e Upas em Fortaleza

As unidades hospitalares responsáveis pelos atendimentos aos pacientes com suspeita ou confirmação do novo coronavírus são:

• Hospital Nossa Senhora da Conceição
Rua 1018, nº148, 4ª etapa – Conjunto Ceará, Fortaleza – CE

• Hospital Infantil de Fortaleza
R. Iguapé, nº 447 – Parangaba, Fortaleza - CE,

• Hospital Distrital Edmilson Barros de Oliveira (Frotinha de Messejana)
Av. Jornalista Tomaz Coelho, 1578 – Messejana, Fortaleza - CE

• Hospital Distrital Maria José Barroso de Oliveira (Frotinha da Parangaba)
Av. Gen. Osório de Paiva, 297 – Parangaba, Fortaleza - CE

• Hospital Distrital Evandro Ayres de Moura (Frotinha do Antônio Bezerra)
R. Cândido Maia, 294 – Antônio Bezerra, Fortaleza - CE

• Hospital Distrital Gonzaga Mota de Messejana
Av. Washington Soares, 7700 – Messejana, Fortaleza - CE

• Hospital Distrital Gonzaga Mota do José Walter
548, Av. D, 504 – Pref. José Walter, Fortaleza - CE

• Hospital Distrital Gonzaga Mota da Barra do Ceará
Av. Dom Aloísio Lorscheider, 1130 – Vila Velha, Fortaleza - CE
Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) nos bairros

• Vila Velha: Av. L – Vila Velha, Fortaleza - CE

• Cristo Redentor: Av. Presidente Castelo Branco, s/n – Cristo Redentor, Fortaleza - CE

• Itaperi: R. Betel, s/n – Itaperi, Fortaleza - CE

• Bom Jardim: Rua Sargento João Pinheiro, s/n – Bom Jardim, Fortaleza

• Edson Queiroz: Rua do Contorno – Edson Queiroz, por traz da UNIFOR, s/n

• Jangurussu: Av. Contorno Sul, s/n – Jangurussu
Os hospitais de referência no Ceará para o tratamento de casos graves são:

• Hospital São José de Doenças Infecciosas (Fortaleza)
R. Nestor Barbosa, 315 - Parquelândia, Fortaleza – CE

• Hospital Regional Norte (Sobral)
Av. John Sanford, Bairro - Cidade Dr. Jose Euclides Ferreira Gomes Junior, Sobral – CE

• Hospital Regional do Sertão Central (Quixeramobim)
Estr. do Algodão, Quixeramobim – CE

• Hospital Regional do Cariri (Juazeiro do Norte) R. Catulo da Paixão Cearense, s/n - Triângulo, Juazeiro do Norte – CE

Fonte: BdF Ceará

Edição: Monyse Ravena e Leandro Melito