Estatística

Pernambuco tem taxa de letalidade por coronavírus acima da média brasileira

Com 99% dos leitos de UTI ocupados, taxa de isolamento em PE está em 54%, abaixo do ideal

Brasil de Fato | Recife (PE) |
Que 99% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para a covid-19 já estão ocupados com casos confirmados ou suspeitos - SES PE

Com 40 dias após o primeiro caso confirmado de covid-19 no estado, a Secretaria de Saúde de Pernambuco confirmou na noite de terça (21) 2.908 ocorrências de coronavírus em 88 municípios.

Com 260 óbitos, a taxa de letalidade no estado é de 8,94%, superior à média brasileira, que é de 6,4%. A Secretaria de Saúde estima que os dados podem ser cinco vezes maior, já que os testes são feitos apenas em pacientes graves. Caso haja estrutura para realizar testagem em massa e em pessoas que não apresentam sintomas, os dados pode se aproximar ainda mais da realidade.

:: Leia também: Com aumento das mortes, Manaus enterra vítimas da covid-19 em valas coletivas ::

Um número que vem chamando atenção para situação na rede de saúde é a quantidade de profissionais com diagnóstico positivo: são 1.064 casos. O secretário de saúde André Longo afirmou que até agora cerca de 1.800 profissionais de saúde já foram testados. Pernambuco foi o primeiro estado a criar um protocolo de testagem para estes profissionais.

:: Leia também: Profissionais com covid-19 denunciam falta de EPIs em hospital privado de SP::

Mesmo com a corrida para a abertura de leitos, a chegada do pico de contágio já impõe um primeiro desafio, que é a superlotação, já que 99% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para a covid-19 já estão ocupados com casos confirmados ou suspeitos, e que já há fila de espera para o uso de respiradores.

"Esse número impõe uma situação crítica, pois já coloca pessoas na fila de espera, aguardando por mais tempo do que deveria por um leito de UTI. É muito preocupante", afirmou o secretário André Longo. 

A partir de quarta-feira (23), uma central de regulação de leitos passa a funcionar com a capacidade dobrada, definindo o encaminhamento de pacientes aos estabelecimentos de saúde vinculados ao Sistema Único de Saúde (SUS).

:: Leia também: Nova parcela do auxílio emergencial começa a ser paga nesta quinta; tire suas dúvidas ::

A central de regulação de leitos é acessada por médicos que avaliam os casos encaminhados e indicam o serviço mais adequado ao perfil clínico do paciente. Diante da gravidade da situação, o secretário reforça que o isolamento se mantém como a principal medida para evitar mais casos.

No Recife, a prefeitura vem medindo o nível de isolamento com a empresa In Loco, que vem divulgando que a taxa de isolamento na cidade é de 54% e que em alguns dias chegou a atingir os 66%, sendo que o mínimo ideal para que o isolamento tenha maior efetividade é de 70%.

Fonte: BdF Pernambuco

Edição: Monyse Ravena e Leandro Melito