Jornal Brasil Atual Edição da Tarde | 19 de maio de 2020

Imagem do logo do Podcast

Ouça o áudio:

Ouça o programa ao vivo das 17h às 18h30 na Grande São Paulo (98.9 MHz) e noroeste paulista (102.7 MHz) e através do site do Brasil de Fato - Juliana Almeida | RBA
O cancelamento do Enem será uma medida justa, interessa a todos os estudantes

O Jornal Brasil Atual Edição da Tarde acompanhou a prévia da votação no Congresso Nacional do adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Projeto de Lei (PL) 1277/2020 ainda deve ser votado na noite desta terça (19).

“Espero que o presidente não vete esse projeto. O cancelamento será uma medida justa, que interessa a todos os estudantes, pois, além de prejudicar os estudantes de escolas públicas, a manutenção da data do exame resultará em prejuízos para os pobres, negros e brancos, aqueles que vivem nas periferias e não têm acesso à internet”, disse ao jornal o presidente da Comissão de Direitos Humanos do Senado, Paulo Paim (PT-RS).  

Na tarde de segunda-feira (18), um estudante de 14 anos foi assassinado nem uma operação da Polícia Federal (PF) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro. João Pedro Mattos Pinto sofreu um disparo na barriga enquanto brincava no quintal de casa. O adolescente foi levado pela Polícia Civil após ser baleado. Até a manhã desta terça-feira (19), a família não tinha informações sobre o jovem.

“Em 2019, 38 adolescentes foram baleados no estado do Rio contra 24 neste ano. Em tese, seria algo positivo, mas já estamos há dois meses em quarentena e nesse período houve grande redução de pessoas nas ruas. Se formos além, veremos que a violência não diminuiu. Em 50% dos casos de adolescentes baleados neste ano havia ações policiais. No ano passado, foram 53% baleados na presença de policiais”, explica a gestora de dados da plataforma Fogo Cruzado, Maria Isabel Couto

O programa traz ainda detalhes sobre o represamento de repasses do governo federal para estados e municípios dos quase R$ 18,9 bilhões aprovados pelo governo como crédito extraordinário. Cerca de R$ 10,9 bilhões (57,6%) ainda não saíram do Executivo.

Para Eliane Cruz, doutoranda em Bioética pela Universidade de Brasília, os recursos precisam ser repassados com urgência "para equipamentos de proteção individual, leitos de Unidades de Tratamento Intensivo, leitos intermediários, e também para apoios às medidas de isolamento social, porque tem uma parte da população que precisa de cesta básica, água, e os municípios estão desabastecidos”.

Confira todos os destaques no início do jornal. 

------ 
O Jornal Brasil Atual Edição da Tarde é uma produção conjunta das rádios Brasil de Fato e Brasil Atual. O programa vai ao ar de segunda a sexta das 17h às 18h30, na frequência da Rádio Brasil Atual na Grande São Paulo (98.9 MHz) e pela Rádio Brasil de Fato (online). Também é possível ouvir pelos aplicativos das emissoras: Brasil de Fato e Rádio Brasil Atual.

Edição: Mauro Ramos