VULNERABILIDADE

Rádio BdF debate realidade da população negra e periférica na pandemia de covid-19

Programa de quarta (3) também tratou dos protestos antirracistas com Paula Silva, do Levante Popular da Juventude

Brasil de Fato | Belo Horizonte (MG) |

Ouça o áudio:

Paula Silva do Levante Popular da Juventude debate a realidade da população negra e periférica no momento atual - Arquivo Pessoal

Nos últimos dias, assistimos a uma onda de protestos internacionais, reivindicando o fim da violência policial praticada contra a população negra. As manifestações alertam para algo que estrutura a nossa sociedade: o racismo.

Diante do contexto da pandemia de covid-19, tem aumentado a vulnerabilidade das populações negras, seja com o aumento da repressão policial, do desemprego ou mesmo da maior exposição ao vírus em empregos precários.

:: Pandemia avança sobre periferias e redes se organizam para combater o vírus e a fome ::

Nesta edição do programa de rádio do Brasil de Fato, conversamos com Paula Silva, militante do Levante Popular da Juventude e diretora da União Nacional dos Estudantes (UNE). Ela debate a realidade das populações negras e periféricas diante das crises sanitária, econômica e de segurança pública no Brasil.

Ouça o programa clicando no "play" acima da imagem.

Fonte: BdF Minas Gerais

Edição: Camila Maciel e Amélia Gomes