Solidariedade

Níveis de doação de sangue caem e bancos fazem agendamento para enfrentar baixa

Devido à pandemia de covid-19, a média de doações diárias caiu de 70 para 30, no Rio de Janeiro, por exemplo

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |

Ouça o áudio:

Em Brasília, em agosto, foi registrada uma média de 127 bolsas coletadas diariamente, considerada insuficiente - Foto: Erasmo Salomão/MS

Centros de doação de sangue pelo país iniciaram agendamentos de atendimentos para encarar a baixa no estoque. O momento de pandemia reduziu significativamente a reserva em diversos estados e no Distrito Federal.

:: Com estoques em baixa, bancos de sangue precisam de doações em meio à pandemia ::

Lembrando que para fazer o procedimento, é necessário ter entre 16 e 69 anos de idade. Jovens de 16 e 17 devem estar acompanhados pelos responsáveis legais.

Bahia

No estado baiano, os níveis de sangue tipo B- e AB- são os críticos, e de O+ está em alerta. Os agendamento podem ser feitos tanto pela internet quanto por telefone. Na primeira opção, o interessado pode preencher um formulário no mesmo estilo dos outros cadastros acima, escolhendo data e local de doação. Também é possível realizar o agendamento de grupos de doação pelo e-mail [email protected] Por telefone, o interessado pode ligar para (71) 3116-5643 de segunda à sexta- feira, das 8h às 17h, e aos sábados das 8h às 12h.

Brasília

A Fundação Hemocentro de Brasília registrou um dos piores dias de doação de sangue em agosto. No mês, foi registrada uma média de 127 bolsas coletadas diariamente, considerada insuficiente. Além disso, o agendamento é obrigatório durante a pandemia. Na capital federal, o agendamento não é só importante, como obrigatório, durante a pandemia de covid-19. Para realizar a doação de sangue, o interessado pode acessar o site do de agendamento ou ligar para os seguintes números: 0800 644 0160, de segunda a sexta, das 7h às 21h, e aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 18h, e (61) 3327-4413 ou (61) 3327-4447 de segunda a sábado, exceto feriados, das 7h às 18h.

:: CE se torna o primeiro estado brasileiro a permitir doações de sangue de homossexuais ::

Ceará

É possível entrar no site do Portal do Doador e preencher as informações para agendar a doação. No site também estão as disponíveis as restrições para aqueles que não podem doar sangue, como contato com caso suspeito ou confirmado de coronavírus e até mesmo realização de tatuagem, maquiagem definitiva, micropigmentação e piercing.

Minas Gerais

Em Minas, tipos de sangue como O+ estão em nível críticos. Por isso, para agendar a sua doação basta acessar o site de agendamento e preencher informações como o município em que o interessado pretende realizar a doação, data, CPF e RG. Para fazer o procedimento, é necessário ter entre 16 e 69 anos de idade, assim como em todo o território nacional. Jovens de 16 e 17 devem estar acompanhados pelos responsáveis legais.

:: Ministério da Saúde pede que doações de sangue continuem durante quarentena ::

Rio de Janeiro

O Banco de Sangue do INCA atende de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 14h30, e aos sábados, das 8h às 12h, e fica localizado na Praça Cruz Vermelha, 23, 2º andar, no Centro do Rio. Para saber mais informações sobre como doar sangue, o interessado pode entrar em contato com o Instituto por meio dos telefones (21) 3207-1021 e (21) 3207-1580, ou acessar o site do INCA.

São Paulo

No estado paulista, onde o estoque de sangue também está bem baixo, com níveis críticos a depender do tipo de sangue, também existe a possibilidade de agendamento. O site Pró-sangue faz agendamentos, mas antes deve-se realizar um cadastro com senha e depois preencher informações como escolha de data e município.

 

Edição: Daniel Lamir