Sintonize

Por que 12 de outubro é dia das crianças? Descubra no programa Bem Viver

Programa também destaca como garantir uma alimentação infantil equilibrada diante dos ultraprocessados

Ouça o áudio:

criança parquinho uniforme
Você sabe por quê? Bem Viver em parceria com o Radinho BdF responde porque 12 de outubro é Dia das Crianças - Tânia Rego/Agência Brasil

A edição desta segunda-feira (12) do Programa Bem Viver, de Dia das Crianças, começa falando sobre alimentação infantil e consumo de ultraprocessados. Um tipo de comida que, na verdade, não é comida, como afirmam especialistas ouvidos pelo programa. A justificativa dos profissionais é que não existe nenhum valor nutricional considerável em alimentos como biscoitos recheados, salgadinhos e balas. Se esses alimentos não fazem bem para adultos, imagina para as crianças, que estão em fase de desenvolvimento.

A repórter do Brasil de Fato, Michele Carvalho, conversou com nutricionistas que afirmam: a infância é um momento crucial para a nossa alimentação, é um período que define muito do desenvolvimento do nosso corpo.

Ainda falando sobre a data desta segunda (12), o Bem Viver, em parceria com o Radinho BdF, responde a uma pergunta fundamental: Por que 12 de outubro é dia das crianças? Confira a resposta no programa.

:: O que é e como funciona o Pix? Saiba mais sobre o novo sistema de pagamento

Outro assunto de destaque no Bem Viver é a degradação do meio ambiente. Você já ouviu falar de savanização? É o processo de transformação de florestas em savanas. Na história do nosso planeta, fenômenos assim já ocorreram. No entanto, o que vemos hoje na Amazônia, em especial, é algo causado pela ação humana, um processo muito acelerado, completamente diferente do que seria natural.

Para entendermos melhor esse conceito de savanização, a repórter Catarina Barbosa foi conversar com especialistas. Ela buscou um estudo feito em parceria entre universidades brasileiras e estadunidenses, com foco na região de Alter do Chão, o paraíso amazônico, localizado no Rio Tapajós, no Pará.

O programa traz ainda as informações sobre A Campanha Nacional de Multivacinação, que teve início na semana passada, continua e tem como objetivo aumentar a imunização da população que está muito abaixo da média. Para entender a importância da campanha, tem uma reportagem da Radioagência Nacional, na voz de Fabiana Sampaio. 


Produção da Rádio Brasil de Fato vai ao ar de segunda a sexta-feira / Brasil de Fato / Bem Viver


Sintonize

O programa Bem Viver vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 11h às 12h, com reprise aos domingos, às 10h, na Rádio Brasil Atual. A sintonia é 98,9 FM na Grande São Paulo e 93,3 FM na Baixada Santista.

Em diferentes horários, de segunda a sexta-feira, o programa é transmitido na Rádio Super de Sorocaba (SP); Rádio Palermo (SP); Rádio Cantareira (SP); Rádio Interativa, de Senador Alexandre Costa (MA); Rádio Comunitária Malhada do Jatobá, de São João do Piauí (PI); Rádio Terra Livre (MST), de Abelardo Luz (SC); Rádio Timbira, de São Luís (MA); Rádio Terra Livre de Hulha Negra (RN), Rádio Camponesa, em Itapeva (SP), Rádio Onda FM, de Novo Cruzeiro (MG), Rádio Pife, de Brasília (DF), Rádio Cidade, de João Pessoa (PB), Rádio Palermo (SP) e Rádio Cantareira (SP).

A programação também fica disponível na Rádio Brasil de Fato, das 11h às 12h, de segunda a sexta-feira, e nos aplicativos Spotify e Google Podcasts.

Assim como os demais conteúdos, o Brasil de Fato disponibiliza o programa Bem Viver de forma gratuita para rádios comunitárias, rádios-poste e outras emissoras que manifestarem interesse em veicular o conteúdo. Para fazer parte da nossa lista de distribuição, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Edição: Camila Salmazio