últimas notícias

Para conter variante delta, hospital municipal de Nova Iguaçu (RJ) anuncia medidas restritivas

Só uma pessoa poderá visitar o paciente internado; visitas acontecerão aos finais de semana, com o máximo de 10 minutos

Brasil de Fato | Rio de Janeiro (RJ) |
Entre as medidas foi anunciado que só será permitido acompanhantes que estejam com o ciclo vacinal completo contra a covid-19 - Divulgação

Novas medidas restritivas passam a valer no Hospital Geral de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, a partir desta quinta-feira (19), para tentar conter a circulação da variante delta. 

Continua após publicidade

Leia também: Avanço da variante Delta aumenta procura por leitos e RJ tem seis cidades com UTIs lotadas

Continua após publicidade

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, as visitas aos pacientes só poderão acontecer aos sábados e domingos, de 14h às 16h, e com duração máxima de 10 minutos. Apenas uma pessoa poderá visitar o paciente internado e a entrada só é permitida com uso de máscara e calçado fechado. 

Continua após publicidade

Além disso, o hospital também suspendeu temporariamente as cirurgias eletivas.

Continua após publicidade

Ainda só será permitido acompanhantes que estejam com o ciclo vacinal completo contra a covid-19, ou seja, que tomaram as duas doses da vacina ou a vacina de dose única há pelo menos 15 dias.

A Secretaria orienta ainda que os familiares disponibilizem mais de um telefone para contato, já que as entrevistas médicas com informações dos pacientes devem acontecer somente por telefone, diariamente. Os familiares também podem entrar em contato pelo email [email protected] para solicitar informações sobre os pacientes.

Fonte: BdF Rio de Janeiro

Edição: Mariana Pitasse