TRAGÉDIA

Rocha se desprende de cânion, atinge três lanchas e causa mortes em Capitólio (MG)

Cinco mortes já foram confirmadas, nove pessoas estão hospitalizadas e Corpo de Bombeiros estima 20 desaparecidas

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |
Rocha se solta de cânion e cai sobre turistas em Capitólio (MG) - Reprodução - Redes Sociais

Um deslizamento de pedras em um cânion da cidade turística de Capitólio, em Minas Gerais, fez com que uma rocha atingisse três embarcações, causando a morte de ao menos cinco pessoas nesse sábado (8). Aproximadamente 70 a 100 pessoas estavam no local. 

Continua após publicidade

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, coronel Edgard Estevo, informou que 23 pessoas foram atendidas com ferimentos leves e liberadas e que outras nove estão hospitalizadas. 

De acordo com Estevo, a estimativa é de 20 pessoas desaparecidas. "Estamos fazendo um trabalho de resgate e busca, mas também de investigação com as informações de testemunhas, agências de turismo local e familiares", expôs. 

As buscas estão sendo feitas pela Marinha do Brasil e por cerca de 40 bombeiros, incluindo mergulhadores. Uma aeronave estava se deslocando para a área, mas não conseguiu chegar por conta da forte chuva.

"O trabalho de mergulho é interrompido no período noturno, mas o de busca, incluindo busca de informações, continuam por 24h", afirmou o porta-voz do Corpo de Bombeiros.  

O motivo do descolamento da grande placa rochosa que atingiu uma lancha diretamente ainda está sendo investigado. Os bombeiros desconfiam que o deslizamento teria ocorrido após uma tromba d’água.

Na manhã deste sábado (8), a Defesa Civil do Estado de Minas Gerais emitiu um alerta para chuvas intensas na região do desastre, justamente com a possibilidade da chamada cabeça d’água, como também é conhecida.

Nas redes sociais, circula um vídeo, cuja veracidade já foi confirmada pelos bombeiros, que mostra o momento em que a rocha atinge as lanchas. 

Em nota, a Marinha do Brasil informou que vai instaurar um inquérito para apurar as causas do acidente.

Confira a nota íntegra: 

A Marinha do Brasil informa que tomou conhecimento de um acidente, no fim da manhã de hoje, após deslizamento de rochedo atingir embarcações que navegavam a região dos cânions, em Capitólio-MG.

A DelFurnas deslocou, imediatamente, equipes de Busca e Salvamento (SAR) para o local, integrantes da Operação Verão ora em andamento, a fim de prestar o apoio necessário às tripulações envolvidas no acidente, no transporte de feridos para a Santa Casa de Capitólio, e no auxílio aos outros órgãos atuando no local.

Edição: Douglas Matos