Repercussão

Artistas e políticos comemoram vitória de Lula nas redes sociais

Petista derrotou Jair Bolsonaro com 50,9% dos votos

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |
Luiz Inácio Lula da Silva - Carl de Souza / AFP

Entre comemorações de apoiadores de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e lamentos de aliados de Jair Bolsonaro (PL), a vitória do petista no segundo turno das eleições dominou as redes sociais logo após a confirmação do resultado das eleições.  

Continua após publicidade

Ciro Gomes (PDT), que disputou a Presidência e ficou em quarto lugar no primeiro turno, saudou o presidente eleito Lula. "Cumprindo o saudável dever democrático, quero cumprimentar o presidente Luiz Inacio Lula da Silva por sua vitória nas eleições recém apuradas. Desejo ao presidente eleito toda a felicidade na honrosa missão a si concedida pela maioria de nosso povo brasileiro", disse. 

A senadora Simone Tebet (MDB), que ajudou na campanha de Lula, também publicou suas felicitações. "Obrigada, Brasil! As urnas falaram. Venceu a democracia e a verdade. Viva o povo brasileiro! Meus parabéns, presidente Lula. A hora é de comemorar porque amanhã vai ser outro dia", publicou em seu perfil no Twitter. 

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) publicou uma foto ao lado de Lula, com a legenda: "Parabéns Lula pela vitória. Venceu a Democracia, venceu o Brasil!".

Na mesma linha, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que também trabalhou na campanha de Lula, comemorou o resultado. "Teremos um Brasil de TODOS! Passamos por uma longa caminhada espalhando o amor e a esperança. Lutamos contra o ódio, a violência e as mentiras. Vencemos! Hoje viramos uma triste página de nossa história e vamos trabalhar para que ela NUNCA MAIS se repita. Será um novo país", publicou. 

"Presidente Lula, parabéns pela vitória que cria para nossa democracia condições de se revigorar. Os desafios exigirão de todos nós a responsabilidade do tamanho da envergadura política, econômica, social e ambiental que o Brasil merece ter. Começamos a derrotar o ódio", publicou também a deputada federal eleita Marina Silva (Rede-SP). 

Luciana Santos, presidente nacional do PCdoB, disse que "Lula representa uma aliança que busca que o amanhã seja pleno para cada um e cada uma de nós. Ele não vai governar apenas para os que votaram nele, será o presidente de todos os brasileiros. E, de mãos dadas, vamos pacificar esse país".

O presidente do PSOL, Juliano Medeiros, também se pronunciou nas redes. "Sem palavras. O que fizemos foi histórico. E só quem podia liderar esse movimento pelo Brasil era Lula. Que dia! Que dia!", disse. 

Entre artistas, a cantora Ludmilla publicou em seu perfil no Twitter: "O Brasil sorrindo de novo. Tamo junto, meu Presidente. O after da posse é por minha conta", disse.

A cantora Karol Conka publicou uma montagem de Jair Bolsonaro com os dizeres "A vida depois do tombo", numa referência ao documentário sobre a sua atuação no reality Big Brother Brasil.  

Na mesma linha, a cantora Anitta publicou: "Alívio. Se o amor venceu agora é hora de colocar esse amor em prática. Colocar a democracia em prática. Acolher e respeitar o vizinho que votou diferente, compreender e respeitar a pessoa que votou igual a você, mas discorda em algumas coisas. Só assim a gente nunca mais vive o pesadelo que foi essa eleição. Essa guerra social que vivemos. Enquanto ainda tratarmos o outro com agressividade, raiva e desrespeito só estaremos sendo o espelho daquilo que dizemos que estamos lutando contra".

A cantora Pocah, que também participou do Big Brother Brasil publicou: "Ainda nem acredito que conseguimos kkkkk vou até tomar uma cervejinha pra comemorar".

O influenciador digital Felipe Neto, que apoiou de maneira contumaz Lula, afirmou que "o bem venceu. Adeus trevas".

Edição: Thalita Pires