transição

Lula confirma Aloizio Mercadante como novo presidente do BNDES

"Não é mais boato", afirma ex-presidente ao anunciar a indicação

Brasil de Fato | Rio de Janeiro (RJ) |

Ouça o áudio:

Lula confirmou nesta terça-feira a indicação de Mercadante para presidir o BNDES - Ricardo Stuckert

O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) confirmou nesta terça-feira (13) a nomeação de Aloizio Mercadante para a presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Continua após publicidade

O anúncio foi feito durante o evento que marcou o fim dos trabalhos da equipe de transição de governo, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília.

"Eu quero dizer para vocês que não é mais boato, Aloizio Mercadante será presidente do BNDES", afirmou o presidente eleito durante o evento.

O perfil de Lula no Twitter reforçou a confirmação, destacando que espera "alguém que pense em desenvolvimento, inovação tecnológica" para garantir a geração de empregos.

O BNDES tem como principal função oferecer financiamentos de longo prazo e realizar investimentos em diferentes setores da economia.

:: O BNDES é uma "Bolsa-Empresário"? Entenda o papel do banco público ::

Mercadante, que é economista, coordenou o programa de governo de Lula durante a campanha. Durante o período de transição, foi coordenador de grupos técnicos de trabalho. É um quadro de destaque no PT, tendo ocupado cargos como a vice-presidência nacional e a secretaria de relações internacionais.

Deputado Federal por dois mandatos (entre 1991 e 1995 e 1999 e 2003), ele foi candidato a vice na chapa de Lula em 1994. Foi ministro durante todo o governo de Dilma Rousseff (PT), tendo chefiado as pastas de Ciência e Tecnologia, Educação e a Casa Civil.

Edição: Thalita Pires