Novidades

Lula nomeia Marco Cepik e quatro mulheres para direção da Abin

Novo diretor chega para o lugar de Alessandro Moretti, demitido por suspeita de 'conluio' que favorecia Ramagem

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |
O novo diretor-adjunto da Abin, Marco Cepik - Abin

Após a demissão de Alessandro Moretti, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nomeou Marco Aurélio Chaves Cepik como diretor-adjunto da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), na última terça-feira (30). Outras sete pessoas também foram designadas para cargos de diretorias. Entre elas, quatro mulheres, que não tiveram seus nomes revelados.

Continua após publicidade

As áreas que terão novos diretores são: Departamento de Contrainteligência, Departamento de Operações, Departamento de Administração e Logística, Escola de Inteligência, Departamento de Inteligência Interna, Departamento de Inteligência Externa e Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Segurança das Comunicações.

Leia mais: Espionagem na Abin vira pauta de ação no STF e pedido de CPI na Câmara dos Deputados

A Polícia Federal (PF) investiga uma possível espionagem ilegal feita pela Abin durante a gestão de Alexandre Ramagem, que hoje é deputado estadual pelo PL do Rio de Janeiro. Na época, ele era diretor da agência e mantinha uma relação próxima com o entorno de Jair Bolsonaro (PL). Um dos alvos da apuração é o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos), filho do ex-presidente.

Os investigadores suspeitam que havia um "conluio" no comando da atual direção da Abin, que trabalhava para atrapalhar a apuração sobre a existência de uma "Abin paralela" a serviço do governo Bolsonaro.

"As ações realizadas pela alta gestão atual, dessa forma, se mostram prejudiciais à investigação posto que transparecem aos investigados realidade distinta dos fatos", afirma o relatório da Polícia Federal, revelado pelo jornal O Globo.

Marco Aurélio Chaves Cepik é servidor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, onde é professor titular de Relações Internacionais e Política Comparada. Desde abril de 2023, no entanto, também é diretor da Escola de Inteligência da Abin, em Brasília.

Edição: Nicolau Soares