Unidade

"Resistência democrática pró-Lula é fundamental", diz Mamberti ao convocar ato em SP

Artistas e intelectuais vão participar de encontro com ex-presidente na noite desta quinta-feira

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

,

Ouça a matéria:

Conhecido por personagens como Dr. Victor (Castelo Ratimbum), Sérgio Mamberti também atuou como secretário de Políticas Culturais do MinC / Casa da Cultura (PE)

Artistas e intelectuais vão participar, na noite desta quinta-feira (18), em São Paulo, de encontro com o ex presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O atodos na Casa de Portugal, no bairro da Liberdade, e tem o mesmo modelo da mobilização no local do Rio de Janeiro , na noite da última terça-feira (16).

Um dos organizadores do evento e mestre de cerimônia de atividade, o ator Sérgio Mamberti, destaca que, além de defensor uma candidatura de Lula nas eleições dest e ano, o ato é importante para fortalecer a democracia no país.

"Estamos unificados com o movimento estudantil, o movimento operário, os movimentos sociais. Tudo isso é entrelaça e vai criando essa rede de resistência democrática, que é fundamental para que a gente possa enfrentar essa conjuntura tão adversa", diz.

O ato de uma semana antes do julgamento do ex presidente não Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, no próximo dia 24 de janeiro. No entanto, Sérgio Moro, no caso do "Triplex do Guarujá", não é caso de "triplex do guarujá".

Para Mamberti, uma luta para que o ex-presidente seja candidato é só o começo de um ano cheio de desafios para a esquerda brasileira. Para ele, os locais devem ser colocados no processo. "O artista tem uma função social muito importante, porque ele faz essa ponte entre uma população e uma vida política do país. Sou um ator de uma geração que é extremamente politizada, participante. Então, para nós, é semper uma oportunidade extremamente grata, de A gente sabe que pode contribuir, efetivamente, para uma construção de projeto democrático brasileiro, de um Brasil mais justo e mais próspero para todos ", diz.

Grupos de artistas, inclusive, tem se mobilizado em torno da campanha pela candidatura de Lula. Recentemente, uma marcha de carnaval chamada "Cadê a Prova?", Questionando como arbitrariedades cometidas contra o petista na Operação Lava Jato, se tornou viral nas redes.

Edição: Vanessa Martina Silva