Ação Solidária

MST entrega uma tonelada de alimentos a comunidades do município de Viamão (RS)

A ação contou com a parceria do projeto Promoção Humana da Assistência Social Santa Isabel

Brasil de Fato | Porto Alegre (RS) |
Mais de 60 famílias receberam cestas de alimentos e kit de higiene - Gabriel Rocha

Ações solidárias estão por toda parte. O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) segue ajudando os que mais precisam em tempos de coronavírus e estiagem. Na última quinta-feira (30), camponeses do assentamento Filhos de Sepé, em parceria com o projeto Promoção Humana da Assistência Social Santa Isabel (ASSI), levaram alimentos e materiais de higiene para as comunidades Monte Castelo, Aparecida e Santa Isabel no município de Viamão, na região Metropolitana de Porto Alegre.

:: Todo Mundo Junto: leia mais sobre iniciativas solidárias em meio à pandemia ::

“Orgulho de ver o MST em mais uma ação de solidariedade com a população carente da nossa comunidade, seguirmos em defesa da vida no campo e na vila”, ressalta o vereador Adão Pretto (PT), articulador dessa doação.

Foi distribuída cerca de uma tonelada de alimentos. As mais de 60 famílias carentes receberam cestas com arroz, feijão, farinha de milho e trigo, azeite, leite, café, alface, couve, bergamota e kit de higiene.

“Um princípio do MST é ser solidário. E nesse tempo de pandemia a gente vê a importância da Reforma Agrária, de produzir alimentos saudáveis. Nós vamos seguir realizando campanhas, arrecadando produtos e distribuindo para quem mais precisa”, declara Osmar de Moura, dirigente estadual do MST no Rio Grande do Sul.

:: MST doa 45 toneladas de alimentos a hospitais, asilos e comunidades paranaenses ::

O assentado ainda destaca que neste momento o movimento abraça essa causa e vai seguir fazendo a sua parte. “Vamos continuar produzindo alimento saudável, e distribuindo-os, pois isso também ajuda a salvar vidas”, pontua Moura.

Fonte: BdF Rio Grande do Sul

Edição: Camila Maciel e Marcelo Ferreira