É estrutural

Setembro Amarelo: Programa Bem Viver destaca impactos do racismo na saúde mental

Campanha "Saúde Mental da População Negra Importa" defende ações específicas de cuidado para o segmento

Ouça o áudio:

Impactos do racismo na saúde mental não é abordado pela maioria dos psicólogos - Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Psicóloga Ceça Costa afirma que "ainda há muito preconceito" na psicologia

O programa Bem Viver desta quinta-feira (03) destaca a campanha “Saúde Mental da População Negra Importa”, uma articulação nacional de profissionais da área formada por negras e negros. De acordo com a psicóloga do movimento Ceça Costa, “embora a psicologia já reflita o tema [racismo] há alguns anos, a categoria de psicólogos, de modo geral, não o aborda. Ainda há muito preconceito, é uma profissão elitizada”. 

:: Artigo | O Dia do Psicólogo e o olhar para a saúde mental como uma questão social ::

Outro destaque de saúde foi a aprovação pelo Senado de um projeto de lei que garante a notificação dos casos de coronavírus com registro de dados étnico-raciais dos pacientes. Segundo dados do Ministério da Saúde, a população negra é maioria entre vítimas fatais da covid-19.

:: Mulheres negras são as mais afetadas pelas condições impostas pela pandemia ::

Você também confere como funciona a distribuição gratuita de remédios do Sistema Único de Saúde (SUS). Além do atendimento médico, o SUS oferece gratuitamente medicamentos, inclusive de alto custo, em de farmácias. 

:: Do primeiro dia de vida aos últimos anos: saiba as vacinas disponibilizadas pelo SUS ::

O Bem Viver traz também uma fala sobre um sistema criado por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) para ajudar na alfabetização de crianças com transtorno do espectro autista. O mais legal, é que o método utiliza jogos para cativar a atenção do aluno.


Produção da Rádio Brasil de Fato vai ao ar de segunda a sexta-feira / Brasil de Fato / Bem Viver

Sintonize

O programa Bem Viver vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 11h às 12h, com reprise aos domingos, às 10h, na Rádio Brasil Atual. A sintonia é 98,9 FM na Grande São Paulo e 93,3 FM na Baixada Santista.

Em diferentes horários, de segunda a sexta-feira, o programa é transmitido na Rádio Super de Sorocaba (SP); Rádio Interativa, de Senador Alexandre Costa (MA); Rádio Comunitária Malhada do Jatobá, de São João do Piauí (PI); Rádio Terra Livre (MST), de Abelardo Luz (SC); Rádio Timbira, de São Luís (MA); Rádio Terra Livre de Hulha Negra (RN), Rádio Camponesa, em Itapeva (SP), Rádio Onda FM, de Novo Cruzeiro (MG) e Rádio Pife, de Brasília (DF).

A programação também fica disponível na Rádio Brasil de Fato, das 11h às 12h, de segunda a sexta-feira, e nos aplicativos Spotify e Google Podcasts.

Assim como os demais conteúdos, o Brasil de Fato disponibiliza o programa Bem Viver de forma gratuita para rádios comunitárias, rádios-poste e outras emissoras que manifestarem interesse em veicular o conteúdo. Para fazer parte da nossa lista de distribuição, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Edição: Lucas Weber