2020

Na capital do Pará, Edmilson Rodrigues aparece como candidato da esquerda

Pandemia pode ser a chance de romper com décadas de domínio da direita

Belém (PA) | Brasil de Fato |

Ouça o áudio:

Pré-candidatos à prefeitura de Belém, capital do Pará. - Reprodução

O tabuleiro de candidatos para as prefeituras começa a se movimentar, com as candidaturas ainda sendo definidas em convenções. No Pará, o Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) lançou o administrador e ex-senador federal Mário Couto como candidato à prefeitura de Belém e, pela esquerda, o deputado federal Edmilson Rodrigues (PSOL) aparece como o nome mais cotado, mesmo não tendo, ainda, sido ratificado.

Continua após publicidade

Apoiado pelo PT e PDT, o deputado federal Edmilson Rodrigues já foi prefeito da capital do estado. Além de Edmilson e Mário Couto, outros nomes que ainda aparecem como pré-candidatos são: Thiago Araújo (Cidadania), Cássio Andrade (PSB), Gustavo Seffer (PSD) e José Priante (MDB).

Na análise da professora, doutora e mestre em direito, Juliana Rodrigues Freitas, as eleições da capital do Pará têm um cenário peculiar e "a pandemia pode repercutir no resultado", trazendo alternância de poder após décadas de domínio da direita. Para isso, seria necessário a união da esquerda e que seja possível e mais visível a "omissão e ações dos que integram os espaços de poder diante da pandemia no Brasil".

Continua após publicidade

Conheça abaixo alguns dos pré-candidatos à prefeitura de Belém

Continua após publicidade

Edmilson Rodrigues (PSOL) foi prefeito de Belém de 1997 a 2004. Foi ainda deputado estadual e professor da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA). Atualmente, ele está em seu segundo mandato como deputado federal. 

Continua após publicidade

Mário Couto é deputado estadual e já foi senador. Defensor da família e do cristianismo, durante a convenção, onde foi apresentado oficialmente como candidato, ele disse “não quero ser candidato de gente corrupta. Meu pai, minha família, nunca recebeu visita da Polícia Federal (PF). Não tenho papas na língua, se tiver que chamar de corrupto vou chamar, até porque tem pessoas bilionárias com nosso dinheiro, nossos impostos, e vamos bater essas pessoas nas urnas”. Couto é tido como o candidato oficial do governo federal em Belém.

Thiago Araújo (Cidadania) está em seu segundo mandato na Assembleia Legislativa do Pará. Ele é o mais jovem parlamentar eleito para a Casa. 

Cássio Andrade (PSB) é advogado e empresário, está no quinto mandato político. Já atuou como vereador, deputado estadual e agora, deputado federal.

José Priante (MDB) é deputado federal, advogado e ao que tudo indica será o candidato do governador Helder Barbalho na disputa pela Prefeitura de Belém. Ele está em seu sexto mandato como deputado federal.

Edição: Rodrigo Durão Coelho