Saúde ocular

Problemas de visão são tendência mundial; entenda o porquê no Programa Bem Viver

Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que até 2050 metade da população mundial vai ser míope

Ouça o áudio:

Uso excessivo do celular prejudica a visão, e pode criar a dependência pelo óculos - Pixabay
Idas ao oftalmologista devem ser períodicas, com intervalo recomendado de 1 ano a cada consulta

O programa Bem Viver desta quarta-feira (14) destaca uma estimativa feita pela Organização Mundial da Saúde (OMS) de que até 2050 metade da população mundial vai ser míope. O uso frequente e cada vez mais cedo de celulares afeta diretamente a saúde da visão. Na Coreia do Sul, por exemplo, os casos de miopia entre adolescentes de áreas urbanas chegam a 97%. A população do país asiático aparece no topo do ranking de mais tempo de vida com os smartphones

:: Olho seco e irritado? Conheça os possíveis motivos e soluções no Programa Bem Viver ::

Sobre alimentação, o destaque é para o Coletivo Banquetaço, que está realizando a campanha “Gente é pra brilhar, não morrer de fome”. Desde esta terça-feira (13), estão sendo realizados debates virtuais sobre políticas públicas para combater a fome no Brasil. A articulação inclui também a distribuição de marmitas em capitais do país nos dias 17 e 18  deste mês, painéis online com a participação da apresentadora e cozinheira Bela Gil e da nutricionista Valéria Paschoal.

:: Combate à fome é reconhecido por Nobel enquanto Brasil retrocede e vê problema voltar ::

Outro assunto abordado na edição é a decisão do Governo do Paraná retomar as aulas presenciais na próxima segunda-feira (19). O decreto vale tanto para escolas particulares quanto escolas públicas e está restrita apenas para atividades extracurriculares. A presença dos estudantes é facultativa, cabendo aos pais decidir o retorno presencial dos alunos.

:: Plano de volta às aulas em SP ignora escolas de periferias, alertam educadores ::

Também foi destaque ação da empresa Johnson & Johnson de interromper temporariamente o estudo clínico da sua vacina contra a covid-19. Pela nota divulgada, a pesquisa parou depois de um evento adverso grave ocorrido em um voluntário. O caso não foi detalhado pela empresa e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou a possibilidade de interrupção definitiva.


Produção da Rádio Brasil de Fato vai ao ar de segunda a sexta-feira / Brasil de Fato / Bem Viver

Sintonize

O programa Bem Viver vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 11h às 12h, com reprise aos domingos, às 10h, na Rádio Brasil Atual. A sintonia é 98,9 FM na Grande São Paulo e 93,3 FM na Baixada Santista.

Em diferentes horários, de segunda a sexta-feira, o programa é transmitido na Rádio Super de Sorocaba (SP); Rádio Palermo (SP); Rádio Cantareira (SP); Rádio Interativa, de Senador Alexandre Costa (MA); Rádio Comunitária Malhada do Jatobá, de São João do Piauí (PI); Rádio Terra Livre (MST), de Abelardo Luz (SC); Rádio Timbira, de São Luís (MA); Rádio Terra Livre de Hulha Negra (RN), Rádio Camponesa, em Itapeva (SP), Rádio Onda FM, de Novo Cruzeiro (MG), Rádio Pife, de Brasília (DF), Rádio Cidade, de João Pessoa (PB), Rádio Palermo (SP) e Rádio Cantareira (SP).

A programação também fica disponível na Rádio Brasil de Fato, das 11h às 12h, de segunda a sexta-feira, e nos aplicativos Spotify e Google Podcasts.

Assim como os demais conteúdos, o Brasil de Fato disponibiliza o programa Bem Viver de forma gratuita para rádios comunitárias, rádios-poste e outras emissoras que manifestarem interesse em veicular o conteúdo. Para fazer parte da nossa lista de distribuição, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Edição: Daniel Lamir