SÃO PAULO

O que abre e o que fecha no feriado de 9 de julho em São Paulo?

Bancos fecham, vacinação continua para repescagem de pessoas com 40 e 41 anos e transportes funcionam com lentidão

Brasil de Fato | São Paulo (SP) |

Ouça o áudio:

Vacinação continua pra repescagem de pessoas de 40 e 41 anos - Gustavo Vara/Fotos Públicas

O feriado da próxima sexta-feira (9) irá lembrar a Revolução Constitucionalista de 1932. Ele foi mantido em todo o estado de São Paulo e não entrou no calendário de datas antecipadas por conta da pandemia de coronavírus. A seguir, veja o que vai abrir e fechar na data e programe sua folga.

Vacinação

Na próxima sexta e sábado (10), a vacinação contra a covid-19 vai acontecer só para repescagem de pessoas de 40 e 41 anos.

Leia também: Avanço da covid: "Feriadão não vai resolver", alertam especialistas

Transportes

Metrô, CPTM e ônibus vão funcionar com maior tempo de espera nas plataformas e nos pontos, em esquema de feriado.

Bancos

As agências bancárias não terão atendimento presencial, mas o autoatendimento poderá ser utilizado. As informações foram divulgadas pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). Os canais digitais e remotos também vão estar disponíveis. Contas de água, energia, telefone e carnês que vencerem no dia 9 vão poder ser pagos só na próxima segunda-feira (12). A entidade disse que não serão cobrados acréscimos.

Poupatempo

Os postos do Poupatempo vão fechar no feriado e voltam no sábado para aqueles que fizeram o agendamento prévio pelo portal ou pelo aplicativo.

Comércio

Por conta da flexibilização em São Paulo, lojas, shoppings, academias, restaurantes e salões podem funcionar até 21h com capacidade de 40%.

Edição: Leandro Melito